<
>

Arsenal vence Cardiff em casa em dia de homenagens ao argentino Sala

O Arsenal venceu o Cardiff City, em casa, pela Premier League. No jogo, marcado por certo marasmo, em especial pelo lado do time da casa, os momentos de maior emoção ficaram para antes do apito inicial.

Aubameyang, cobrando pênalti, aos 21 do 2º tempo, foi autor do primeiro gol da partida. Aos 37, Lacazete fez bela jogada de em arrancada pela direita para ampliar.

Aos 48 da segunda etapa, Mendez Laing ainda fez um golaço, de pé esquerdo, e descontou, dando números finais ao jogo.

Com o resultado, o time de Unayi Emery chega a 47 pontos e empata com o Chelsea, que tem um jogo a menos.

O Cardiff, com 19, segue na zona de rebaixamento.

Com a pouca força dos visitantes e a moleza da equipe de Londres, os momentos mais marcantes foram as homenagens ao argentino Sala, antes da partida.

Sala, jogador do Nantes, sofreu um acidente de avião enquanto saia da França para o País de Gales, onde se juntaria aos colegas no Cardiff.

Mesmo sem jamais ter vestido a camisa do clube, o jogador foi homenageado pelos torcedores dos dois clubes no estádio. A pedido da família, os times não usaram tarjas pretas em luto, já que o corpo não foi encontrado e sua morte foi apenas presumida.

Diversas faixas do Nantes e o nome do jogador, além de bandeiras e camisas da seleção argentina enfeitaram as arquibancadas.

Na lista oficial de jogadores relacionados para partida, o nome de Sala, em vez de número, teve o nome , Sala apareceu como um dos relacionados.

Quando a bola rolou, a primeira etapa, o time da casa não atacou, mas também foi pouco atacado.

Sem a posse de bola, os visitantes procuravam surpreender e até criaram boas chances. Em ritmo moderado, o Arsenal parecia dosar o esforço sob chuva.

Na segunda etapa, o Cardiff pareceu ter se cansado, o que fez com que a superioridade técnica do Arsenal prevalecesse - em especial, após o primeiro gol, de pênalti, de Aubameyang.

Com o resultado assegurado, o Arsenal jogou como quis, até ampliar, com Lacazete. Aos 48, os visitantes diminuíram, mas já era tarde.