<
>

Palmeiras termina 2018 com recorde de arrecadação e de público no Allianz Parque

play
Zé Roberto relembra premiações do Bola de Prata e exalta temporada e trabalho na base no Palmeiras: 'Muito feliz' (5:14)

Hoje parte da diretoria, jogador conquistou o Brasileirão de 2016 (5:14)

2018 será um ano marcado na história do Palmeiras pela conquista do decacampeonato brasileiro, pelo retorno de Luiz Felipe Scolari, pelo recorde de invencibilidade na era dos pontos corridos e, também, pela importância da força vinda das arquibancadas, que impulsionou o clube dentro e fora de campo. Com grandes médias ao longo do ano no Allianz Parque, torcida alviverde coroou o jogo da taça da competição nacional com o recorde de público da arena e, de quebra, uma arrecadação recorde desde a inauguração.

No último domingo, para comemorar o título conquistado na semana anterior contra o Vasco em São Januário, 41.256 pessoas presenciaram o triunfo do Palmeiras por 3 a 2 sobre o já rebaixado Vitória. O público, que se estabeleceu como o novo recorde do Allianz, superou o de outro jogo decisivo, mas que terminou com final não muito feliz para os alviverdes. Na decisão do Campeonato Paulista desta temporada, 41.227 pessoas assistiram à vitória do Corinthians por 1 a 0.

Além disso, a renda do duelo contra o Rubro-Negro baiano, somada a do restante da temporada, coroou a maior arrecadação do Palmeiras em uma única temporada com seu estádio. Em 2018, somando todas as competições disputadas (Paulista, Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores), o time do Palestra Itália chegou à marca de R$ 77.550.151,30. Anteriormente, o recorde pertencia à temporada de 2015, justamente a de inauguração do Allianz, quando foram arrecadados R$ 76.753.669,01.

E a marca recorde nas cifras ainda vale uma ressalva: a de que 2018 foi o ano em que o Palmeiras mais vezes se viu obrigado a sair de sua casa principal. Na atual temporada, o time comandado por Felipão, e por Roger Machado nos primeiros meses, disputou seis partidas longe do Palestra Itália, utilizando o Pacaembu, e igualou 2016, quando jogou cinco partidas no Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho e outra na Fonte Luminosa, em Araraquara.

Na atual temporada, o Palmeiras disputou 31 jogos dentro de seus domínios e a arrecadação, inclusive, quando levado em consideração apenas o Brasileiro, é superior a soma de todos os clubes da Série B. O líder no quesito quando se trata da divisão de acesso é o campeão Fortaleza, com R$ 7.866.920,00 adquiridos ao longo dos 19 jogos. Em comparação, o Verdão supera R$ 34 milhões.

Quanto aos públicos, a partida do último domingo, em que o Palmeiras levantou a taça do Brasileiro, foi a sexta em que o Allianz recebeu mais de 40 mil pessoas. Uma dessas partidas marcantes aconteceu dia 27 de novembro de 2016, na vitória alviverde sobre a Chapecoense por 1 a 0, que deu ao clube do Palestra Itália o nono título nacional. A partida, inclusive, aconteceu dois dias antes do acidente aéreo que atingiu o time catarinense.

Veja as arrecadações do Allianz Parque desde a inauguração (renda bruta):

2015 – R$ 76.753.669,01

2016 – R$ 59.592.928,78

2017 – R$ 62.229.950,33

2018 – R$ 77.550.151,30