<
>

Barcelona vence Valladolid pela La Liga com gol de Dembélé

O Barcelona sofreu, mas conseguiu vencer o Valladolid, por 1 a 0, fora de casa, pelo Campeonato Espanhol. Com gol de Dembélé, aos 10 minutos da etapa final, a equipe catalã somou os três pontos. No fim do jogo, com ajuda do VAR, o árbitro anulou gol dos donos da casa, garantindo o triunfo dos visitantes.

O primeiro lance de perigo da partida aconteceu aos 4 minutos. Dembélé aproveitou sobra pelo lado esquerdo, driblou o marcador, invadiu a área e, quase sem ângulo, finalizou por cima.

Logo em seguida, o Valladolid chegou bem. Unal tabelou na intermediária, arriscou de fora da área e Ter Stegen fez ótima defesa, mandando para escanteio.

Apesar do péssimo estado do gramado, o Barça seguia no campo de ataque pressionando. Com 15 minutos, Messi lançou Alba, o lateral não conseguiu chutar e a bola ficou nas mãos de Masip. Porém, o camisa 18 já estava em posição irregular.

4 minutos mais tarde, Villa invadiu a área dos catalães, mas Piqué fez o desarme. Aos 21, outra boa chance para o Barcelona. Alba acionou Dembélé, que finalizou rasteiro e a bola passou tirando tinta da trave direita.

Apesar de criar algumas jogadas, os visitantes erravam muitos passes na hora crucial, principalmente pelo estado ruim do campo de jogo. Já os donos da casa apostavam nos contragolpes, mas também sofriam no último toque.

As principais chances de abrir placar na etapa inicial acontecerem em sequência para o Barcelona. Aos 32, Coutinho achou Suárez na área que, desequilibrado, arrematou em cima do goleiro.

Após servir seus companheiros, foi a vez do brasileiro tentar o seu. Aos 34, em jogada característica, o camisa 7 dominou na entrada da área, ajeitou o corpo e deu um tapa no canto esquerdo. Masip caiu bem e espalmou pela linha de fundo. 8 minutos mais tarde, Messi foi derrubado na entrada da área. Na cobrança, ele mesmo chamou a responsabilidade, mas mandou longe, por cima do gol.

Com apenas 1 minuto do segundo tempo, Rakitic tentou um golaço. O meio-campista mandou de muito longe para encobrir o goleiro. Masip, que estava um pouco adiantado, só acompanhou. O jogo seguiu truncado até os 10, quando o Barcelona, depois de muito insistir, conseguiu seu gol. Após lançamento na área, Sergi Roberto conseguiu salvar a saída da bola e ao mesmo tempo ajeitar para Dembélé, que, com categoria, bateu cruzado, para o fundo das redes.

Mesmo na frente do placar, os visitantes seguiam controlando a bola. Já os donos da casa, quando tentavam escapar no contragolpe, eram parados pela defesa catalã. Aos 19, Messi puxou contragolpe rápido pelo meio, mas, com possibilidade de servir os companheiros, optou pela jogada individual e foi desarmado, desperdiçando boa chance.

O Valladolid esboçou uma pressão aos 27 minutos. Villa fez bom cruzamento da esquerda, Jordi Alba apareceu e fez o corte providencial. Na sequência, mais uma escapada pelo lado. Plano invadiu a área, bateu cruzado e Umtiti afastou.

A melhor chance da equipe de casa saiu aos 31. Cop levantou na área, Keko subiu livre, mas mandou nas mãos de Ter Stegen, no meio da meta. Com 8 minutos para o fim, Suárez até ampliou para sua equipe, mas o bandeira flagrou o centroavante em posição irregular.

Aos 38, uma troca entre brasileiros. Buscando velocidade, Coutinho deixou o campo para dar lugar a Malcom. 6 minutos após entrar na partida, o camisa 14 perdeu grande chance. Aproveitando bom lançamento, o atacante saiu cara a cara e mandou em cima de Masip.

Com 47 minutos jogados, o Barcelona quase levou duro golpe. Aproveitamento cruzamento na área, Keko antecipou a marcação e conseguiu o empate. Porém, com a ajuda do VAR, o gol foi anulado após verificar impedimento.