<
>

Tsitsipas detona Djokovic por polêmica na Austrália: 'Faz a maioria dos tenistas parecerem idiotas'

play
Djokovic é incluído em sorteio do Australian Open, mas aguarda decisão sobre visto (0:29)

Djoko vai enfrentar Miomir Kecmanović se realmente conseguir participar da competição (0:29)

Stefanos Tsitsipas não mediu palavras para criticar Novak Djokovic às vésperas do início do Australian Open


O tenista grego Stefanos Tsitsipas, 4º do ranking da ATP, fez duras críticas nesta quinta-feira ao sérvio Novak Djokovic, que não apresentou comprovante de vacinação contra a COVID-19 antes do Australian Open, durante uma entrevista à mídia indiana WION.

Depois de desembarcar em Melbourne na semana passada com uma isenção médica, por ter resultado positivo para covid-19 supostamente no último dia 16 de dezembro, o sérvio teve seu visto de entrada negado pelas autoridades australianas e foi levado a um centro de migrantes antes de ser liberado por um juiz dias depois.

Mergulhado em uma disputa legal com as autoridades australianas, o número 1 do mundo ainda corre o risco de ser deportado da Austrália, o que o impediria de participar do primeiro Grand Slam da temporada, que começa na segunda-feira.

"O que é certo é que ele jogou segundo suas próprias regras", criticou Tsitsipas. "Isso exige muita coragem e coloca todo o torneio em perigo... Acho que não há muitos tenistas que teriam feito o mesmo", acrescentou o grego.

"Escolhi vir aqui (seguindo as regras sanitárias) e estar preparado para o seguinte, sem ter que pensar em mais nada. Novak escolheu outra coisa. Isso não significa necessariamente que meu jeito de agir seja bom e o dele ruim. É apenas a percepção de cada um", insistiu o número 4 do mundo.

O grego, que perdeu para Djokovic na última final de Roland Garros, em sua primeira decisão em um Grand Slam, indicou que quase todos os jogadores presentes em Melbourne estão vacinados. Os outros "escolheram seguir seu próprio caminho, o que faz com que a maioria pareça idiota", criticou.