<
>

Em Roland Garros, Djokovic acerta sem querer bolada em árbitro de linha

Número 1 do mundo, Novak Djokovic não vive uma boa fase com os juízes de linha. Depois de ser eliminado do US Open após acertar uma bolada em um árbitro na quadra, ele, agora completamente sem querer, acabou sofrendo do mesmo "azar" em Roland Garros.

Mas, ao contrário do US Open, onde ele acabou acertando uma árbitra após golpear a bolinha sem ver em forma de frustração, dessa vez foi em uma troca de bolas.

No jogo contra o russo Karen Khachanov, nas oitavas de final de Roland Garros, tentando se defender no meio de uma troca de bolas agressiva do russo, o sérvio acabou desequilibrado e tentou bater na bola, mas ela pegou na ponta da raquete e foi direto na cara do árbitro de linha.

O juíz entendeu que não houve qualquer intenção ou imprudência e aceitou o pedido de desculpas de Djoko, que venceu a partida por 6-4, 6-3, 6-3 e avançou às quartas de final.

Djokovic tem 35 vitórias e uma derrota no ano, sendo o seu único revés justamente pela desclassificação no US Open.