<
>

Djokovic supera batalha de 4h contra Thiem e é campeão do Australian Open pela 8ª vez

Novak Djokovic provou mais uma vez ser o dono do primeiro Grand Slam do ano.

O sérvio teve muito trabalho, chegou a perder a linha no segundo set, viveu seu pior momento no terceiro e viu Dominic Thiem jogar muito bem e até abrir 2 a 1.

Mas o maior campeão da história do Australian Open entre os homens (a australiana Margaret Court ganhou 11 vezes - sete na 'era amadora' e quatro na 'era aberta') confirmou seu oitavo título neste domingo ao triunfar por 3 a 2, com parciais de 6-4, 4-6, 2-6, 6-3 e 6-4, em uma batalha de 3h59 em Melbourne, na Austrália.

Vencedor do torneio também no ano passado, Nole chega a 17 Majors na carreira e fica a dois de igualar Rafael Nadal como segundo mais vitorioso – Roger Federer é o líder com 20.

Já Thiem fica com o terceiro vice em três finais de Grand Slam disputadas – ele também foi à final de Roland Garros em 2018 e 2019 (perdeu ambas para Nadal). No primeiro Major do ano, seu melhor desempenho até esta edição era a quarta fase, alcançada em 2017 e 2018.

Com a conquista, Djoko irá voltar ao topo do ranking, tirando a liderança de Rafael Nadal. Thiem, por sua vez, sobe uma posição e alcança o quarto lugar, seu melhor desempenho na carreira. Caso tivesse ficado com o título, ele iria ao terceiro lugar, ultrapassando Roger Federer.

Novak Djokovic 3 x 2 Dominic Thiem

Parciais de 6/4, 4/6, 2/6, 6/3 e 6/4


Estatísticas

Aces - Djokovic 9, Thiem 13
Duplas faltas - Djokovic 5, Thiem 5
Winners - Djokovic 46, Thiem 55
Erros não forçados - Djokovic 57, Thiem 57
Pontos totais vencidos - Djokovic 157, Thiem 147

vez na Era Aberta do tênis que 3 Grand Slams seguidos vão para o set

Este foi o 11º encontro entre os tenistas. São 7 vitórias para o sérvio e 4 para o austríaco. Nos últimos 5 embates, tinham sido 4 triunfos de Thiem

Esta foi a vez que eles ficaram frente a frente em Grand Slams - todas as anteriores foram em Roland Garros. Thiem venceu na semifinal de 2019 e nas quartas de 2017, enquanto Djoko levou a melhor na semi de 2016

O único tenista na Era Aberta a vencer uma final do Australian Open após estar perdendo por 2 sets a 1 tinha sido Mats Wilander em 1988. Na ocasião, o sueco fez 8-6 no australiano Pat Cash no quinto set

Foi a vez na carreira que Djokovic reverteu um 2 a 1 em uma final de Grand Slam. Ele havia perdido os 7 jogos que havia feito nesta circunstância

Agora, com 2 vitórias para cada lado em 4 confrontos, somente Marat Safin (2-1) e Rafael Nadal (9-6) têm um retrospecto positivo contra Djokovic em Grand Slams (considerando apenas os atletas que tenham enfrentado o sérvio ao menos duas vezes)

1 austríaco conquistou um Grand Slam na história do tênis: Thomas Muster (Roland Garros de 1995)

0 derrotas em 8 finais de Australian Open tem Novak Djokovic


Djoko na frente

Djokovic quebrou o primeiro saque do Thiem na partida, o austríaco até devolveria no sétimo game do set, mas o sérvio se foi dominante e ficaria com o triunfo na primeira parcial. Nole confirmou o 6-4 graças a uma dupla falta do rival em seu segundo set point.

Thiem mostra repertório, consegue pontaço e é aplaudido até por Djokovic


Djoko perde a linha, Thiem empata

Na segunda parcial, Thiem aproveitou sua terceira chance de break point no game para abrir 2 a 1. Em um set bastante equilibrado, o sérvio devolveu a quebra no oitavo game, mas não confirmou o seu serviço já na sequência. Dessa forma, coube ao austríaco converter o seu saque para fechar o segundo set em 6-4, empatando o jogo.

Depois de um grande desempenho no primeiro set, Djoko demonstrou certo nervosismo e chegou até a ironizar o árbitro em determinado momento por ter perdido o primeiro saque no último ponto do último game ao violar o tempo para colocar a bola em jogo.

Djokovic comete duas violações por tempo em saque, se irrita e ironiza árbitro: 'Você se fez famoso'


Thiem vira

Muito frio e equilibrado, Thiem aproveitou-se do momento de instabilidade de Djoko, que não vinha servindo bem. Assim, o austríaco quebrou o saque do rival logo no primeiro game do terceiro set. O atual número 5 do mundo manteve o ritmo e abriu 4 a 0 diante de um apático adversário. Na sequência, o austríaco só converteu seus saques e aproveitou seu quarto set point no oitavo game para fechar em 6-2.


Djoko volta ao jogo

Em um set em que os dois iam convertendo seus serviços, Djokovic quebrou Thiem no oitavo game, antes de fechar a parcial. Mais calmo, o sérvio voltou completamente para o jogo

Após lindas deixadas, Djokovic fecha o game com voleio em ponto sensacional


Djoko é campeão

Totalmente concentrado, Djokovic não deu chances a Thiem, quebrou o serviço do rival no terceiro game e fez o que precisava para confirmar, o set, o jogo e o campeonato.