<
>

Bola da Vez: Guga Kuerten afirma que, se pudesse voltar no tempo, não faria a primeira cirurgia no quadril

play
Gustavo Kuerten admite arrependimento de cirurgia no quadril: 'A técnica era terrível' (1:07)

As dores no região, mesmo após 16 anos de sua primeira cirurgia, ainda acompanham Guga. (1:07)

Tricampeão de Roland Garros e ex-número 1 do mundo no tênis, Gustavo "Guga" Kuerten é o "Bola da Vez" desta semana.

André Plihal, Fernando Nardini e Lia Benthien foram os entrevistadores do lendário esportista na edição que vai ao ar neste sábado às 21h (de Brasília) na ESPN Brasil e no WatchESPN.

O catarinense, hoje aos 43 anos, revela ter um arrependimento em sua carreira: ter passado pela primeira cirurgia no lado direito do quadril.

Ele começou a sentir dores na região durante a temporada 2001 e realizou a operação no ano seguinte.

Com um procedimento à época muito evasivo, Guga não conseguiu mais alcançar resultados expressivos até sua aposentadoria em 2008.

Questionado pela jornalista Lia Benthien se tinha algum arrependimento após a primeira cirurgia, o "Manezinho da Ilha" respondeu: "Claro, não faria a cirurgia. Ia estar muito melhor".

"Fazer a cirurgia era 'se jogar nas lanças'. A técnica era terrível. Depois de cinco anos, vai falir. Se eu tivesse hoje a condição de uma artroscopia atual, eu ainda pensaria. Se eu esperava um pouco mais...", contou.

Kuerten também fala da relação com o técnico Larri Passos, do circuito atual, do "Big Three" e de quando teremos um "novo Guga".