<
>

Serena Williams vence Barbora Strycova, vai para a final de Wimbledon e fica perto de recorde

play
Pela Quadras: Rafael Nadal x Roger Federer e a 'quadra mais lenta' (2:36)

Nos últimos anos, a grama de Wimbledon perdeu velocidade. Na verdade, segundo alguns tenistas, se tornou o Grand Slam mais lento do circuito. (2:36)

Serena Williams não deu chances para Barbora Strycova e está a dois sets de igualar a marca Margaret Court como maiores campeãs de Grand Slams de toda a história.

Chegando à primeira semifinal de um Major na carreira aos 33 anos – a mais velha a ter este feito – Strycova não conseguiu ser um grande empecilho no caminho da norte-americana, que venceu por 2 sets a 0 (6/1 e 6/2).

Serena, que busca seu 8º título em Wimbledon e o 24º Grand Slam da carreira, vai enfrentar Simona Halep, que pela primeira vez joga uma final na grama inglesa.

Strycova só conseguiu resistir em seu primeiro game de serviço no primeiro tempo, sendo quebrada duas vezes depois. No game que fecharia o primeiro set, a tcheca ainda assustou, tendo três chances de quebrar, mas Serena respondeu com força, e fechou a primeira parcial com um ace.

No segundo set o equilíbrio durou um pouco mais de tempo, com Strycova confirmando suas duas primeiras oportunidades de saque, mas sendo quebrada na terceira. Com a vantagem, Serena ainda conseguiu mais uma quebra e fechou o jogo com tranquilidade para buscar mais um título de Grand Slam