<
>

Gabriel Medina desabafa sobre 'ano maluco' com 'racha' familiar, veto a Yasmin, 'roubo' nas Olimpíadas e tri mundial

play
Medina desabafa sobre 'ano maluco' com problemas familiares, veto de Yasmin e 'roubo' na Olimpíada e tri mundial (2:52)

Gabriel Medina falou com exclusividade com o ESPN.com.br | CLIQUE AQUI e veja TUDO da WSL pela ESPN no Star+ (2:52)

Na última terça-feira, Gabriel Medina venceu o WSL Finals e conquistou seu terceiro título mundial de surfe na carreira. O momento fechou um ano bastante conturbado para o surfista, principalmente fora das águas.

Se no surfe tudo foi dando certo e Medina liderou o ranking durante quase toda a temporada, nos bastidores teve absolutamente de tudo: "racha" na família, polêmicas com o veto de Yasmin Brunet nas Olimpíadas e muitas reclamações sobre as notas em Tóquio. Em entrevista exclusiva ao ESPN.com.br, Gabriel desabafou sobre tudo que passou.

TODA a temporada do surfe mundial você acompanha pela ESPN no Star+.

"Então, passei por vários momentos. Tiveram os dias de quarentena, tive problemas pessoais, todo mundo sabe, mas eu tentei focar nas minhas coisas. Quando você está fazendo o que você ama, está fazendo o bem diariamente, praticando isso, não tem outro resultado que vá contra isso. Fui abençoado com um título mundial, então, vou continuar fazendo o que faço. Eu quero focar em mim, quero fazer o bem", disse.

Ainda de acordo com o surfista, o segredo para se manter focado, surfando acima do restante da competição e conquistar o tricampeonato mundial durante um ano conturbado foi a paciência.

play
1:30

Gabriel Medina fala em 'sonho realizado' com tricampeonato mundial e aponta próximos passos

Gabriel Medina falou com exclusividade com o ESPN.com.br | CLIQUE AQUI e veja TUDO da WSL pela ESPN no Star+

"Ser um ser humano já é difícil, né? Porque envolve muita coisa. Então cada dia é um desafio, é algo diferente que você está vivendo sempre... e se manter equilibrado é outro desafio muito grande, porque tem pessoas que tem características, né?", disse.

"Antes de fazer qualquer coisa, sempre estou pensando para eu dar menos chance para um erro. Então, para isso, você tem que ter muita paciência. Esse ano acho que foi um ano que dei muito valor à paciência, porque com paciência você consegue fazer as coisas. Você consegue pensar, você se prepara para qualquer momento da sua vida, toma decisões. Às vezes pode ser uma decisão errada, certa, não sei, a vida vai falar, mas você com paciência consegue segurar naquele momento algo que pode ser muito errado ou algo que pode se tornar maior".