<
>

CBRu anuncia mudanças para os torneios nacionais de rugby; novidades valem a partir de 2023

play
CEO da Confederação Brasileira de Rugby diz qual é o sonho que tem com o esporte feminino e dá recado sobre visibilidade (1:39)

Mariana Miné foi entrevistada por Ari Aguiar com exclusividade aos canais ESPN (1:39)

A Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) aprovou novidades referentes às competições nacionais de rugby. Os torneios de clubes serão remodelados e poderão contar com clubes de todas as regiões do país a partir de 2023.

Conteúdo patrocinado por Bradesco

No novo formato, as equipes que cumprirem os pré-requisitos, mesmo pertencentes a estados sem uma federação constituída, poderão participar das disputas, que também contarão com divisões.

A novidade eleva o número de torneios masculinos de rugby XV de um para quatro, saindo de 67 partidas para mais de 100. No feminino, o aumento é ainda maior, de um para cinco torneios, ampliando a participação de equipes de todo o território nacional, inclusive equipes juvenis.

Com a ampliação, a CBRu prevê um total de 1,5 mil atletas masculinos e femininos em atividade, distribuídos em 60 equipes.

Além disso, a entidade também decidiu pelo cancelamento dos torneios da temporada 2021 por conta da pandemia da Covid-19. A medida visa fortalecer a segurança de atletas e profissionais envolvidos nos eventos. A definição foi tomada de comum acordo entre Conselho de Administração e a Comissão Médica, que apontou os riscos por conta do ainda alto número de casos da doença no país.

Para 2022, os torneios de Sevens Feminino adulto e Masculino adulto de XV terão o mesmo formato dos anos anteriores.