<
>

Draft da NFL: Belichick 'sumido' e Goodell 'cansadão' são os destaques do 2º dia

Pela primeira vez na história, o Draft da NFL foi realizado de forma virtual, com o comissário Roger Goodell em sua casa, assim como os jogadores, acompanhados por poucos familiares em suas residências.

Depois da primeira rodada na quinta, a sexta-feira nos reservou as rodadas dois e três do Draft. Quem roubou a cena nesta sexta foi Bill Belichick, técnico do New England Patriots.

E não foi por conta de nenhuma escolha bombástica feito pelo time, mas sim pelo famoso "jeitão" do técnico.

Vamos ver o que de melhor aconteceu abaixo:

Pai 'maromba'

Se depender da genética, o Detroit Lions não precisará se preocupar com a preparação física de sua primeira escolha de segunda rodada, o running back D'Andre Swift. O pai dele é dono de uma academia e pelo que vimos no vídeo mostrado no Draft, ele é bom "puxando ferro".

Onde está Belichick?

No momento em que a transmissão filmava o "home office" do New England Patriots, o técnico não estava presente na sua estação de trabalho, com apenas um cachorro "draftando" para os Patriots.

Mais um tight end?

O comentarista dos canais ESPN Antony Curti aparentemente não ficou muito feliz com a escolha do Chicago Bears na segunda rodada. Chicago selecionou o tight end Cole Kmet, que chega para "inflar" ainda mais a posição no time.

Sério, onde está Belichick??

Mais tarde na segunda rodada, novamente Belichick não estava no seu lugar na hora escolha dos Patriots. E o pior: dessa vez nem seu cachorro estava lá.

Felizmente, depois ele deu "o ar da graça" e foi até visto aparentemente brincando com o seu cachorro.

Até o Goodell cansou

Com aproximadamente cinco horas de Draft nesta sexta-feira, até o comissário da NFL, Roger Goodell, cedeu. Acostumado a somente falar os nomes da primeira rodada, ao longo da segunda e terceira fase Goodell deixou de ficar em pé até sentar e depois deitar na poltrona de casa.