<
>

NFL toma medidas contra o coronavírus, incluindo fechamento de instalações

A NFL implementará mandatos de locais de trabalho e operações na liga na quarta-feira à noite, que refletem amplamente os implementados pelos governos locais e estaduais em todo o país como proteção contra a propagação do coronavírus.

Em um memorando enviado às equipes na noite de terça-feira, o comissário Roger Goodell disse que as regras tinham como objetivo "garantir que todas as franquias operem em igualdade de condições e que a NFL continue a se comportar de maneira responsável neste momento".

Entre as diretrizes a entrar em vigor quarta-feira às 19h horário de Brasília, de acordo com o memorando, todas as instalações dos clubes deveriam permanecer fechadas para todos os funcionários. Isso estava sujeito às seguintes exceções:

  • Funcionários, como treinadores esportivos ou médicos, que estão fornecendo tratamento médico contínuo aos jogadores;

  • Funcionários, como diretor de instalações, seguranças ou contratados independentes, necessários para manter a segurança física da instalação e seu conteúdo;

  • Empregados, como o pessoal de tecnologia, necessários para manter os recursos operacionais e de segurança da rede de TI da franquia para permitir o trabalho remoto da equipe esportiva e de negócios da franquia;

Goodell disse que as diretrizes foram revisadas e endossadas pelo comitê de competição da NFL e "permanecerão em vigor até segunda ordem".

"Durante esse período, as franquias estão livres para realizar todas as operações comerciais normais, incluindo contratar jogadores, avaliar possíveis candidatos elegíveis, vender ingressos e outras atividades para se preparar para a temporada 2020", disse o memorando.

A liga avaliará se deve continuar sob as diretrizes em 8 de abril, em consulta com médicos especialistas e autoridades de saúde pública.

"Os desafios que enfrentamos não são únicos", afirmou Goodell na carta. "Muitas empresas e indivíduos em todo o país estão enfrentando e abordando questões semelhantes. Tenha certeza de que a NFL está bem posicionada para enfrentar esses desafios operacionais enquanto nos preparamos para oferecer aos nossos torcedores e ao país uma excelente temporada em 2020".