<
>

Antonio Brown se desculpa publicamente com Ben Roethlisberger: 'Nunca houve outra conexão como a nossa'

play
Ex-jogador da NFL que perdeu titularidade para Brady revela o que pensava: 'Vai ser um bom quarterback reserva' (1:09)

Drew Bledsoe se lesionou e nunca mais teve seu emprego de QB titular do New England Patriots (1:09)

A turnê de desculpas de Antonio Brown pela NFL continuou na quarta-feira de manhã com um post no Instagram dirigido ao quarterback do Pittsburgh Steelers, Ben Roethlisberger.

O wide receiver postou uma foto de Roethlisberger sorrindo e batendo na parte de trás do capacete de Brown quando os dois jogavam juntos, acompanhado de uma legenda que elogiava o quarterback.

"Principalmente, você é um pouco de mim!" Brown escreveu. "É, eu nunca percebi como era bom. Eu fiquei preso em minha emoção com todo mundo vindo atrás de mim. Eu realmente peço desculpas por minhas ações, sinceramente, cara! Nunca houve outra conexão como a que fizemos na última década. Eu aprecio você. Atenciosamente, AB. "

O pedido de desculpas e gratidão de Brown é uma mudança significativa no tom das postagens anteriores dirigidas a Roethlisberger. O relacionamento da dupla se deteriorou durante a temporada final de Brown com os Steelers em 2018.

Roethlisberger criticou Brown em seu programa de rádio semanal após uma derrota contra Denver Broncos por ter feito uma rota ruim na partida. Após a temporada, Brown disse que Roethlisberger tinha uma "mentalidade de dono" em um tweet de fevereiro de 2019, respondendo a um torcedor, que perguntava o que causou o conflito entre eles.

"Não tem conflito, é apenas uma questão de respeito! Respeito mútuo! Ele tem uma mentalidade de dono, ele pode criticar qualquer pessoa, incluindo treinadores", escreveu Brown. "Os jogadores sabem, mas não podem dizer nada sobre o assunto, caso contrário, ficam sem comida na mesa. É um jogo sujo dentro de um jogo."

Em agosto, Brown enviou outro tweet dizendo a Roethlisberger para "calar a boca", depois que o quarterback disse em uma entrevista que se arrependia de ter criticado Brown pela rota ruim e que aquilo havia arruinado uma amizade.

No passado, Brown se referia a Roethlisberger como seu melhor amigo do time, um relacionamento que claramente mudou nos últimos anos do grande recebedor com os Steelers.

Brown pediu desculpas publicamente aos Steelers, à NFL e ao Departamento de Polícia de Hollywood (Flórida) desde sua prisão em janeiro por supostamente atacar um motorista de caminhão de entrega. Ele se sentou com Josina Anderson, da ESPN, pouco antes do Super Bowl, para expressar remorso por algumas das coisas que ele havia feito dentro e fora do campo no ano passado.

"Acho que devo a toda a NFL um pedido de desculpas por conta do meu comportamento passado", disse Brown a Anderson. "Acho que poderia ter feito muitas coisas melhor."

Além da prisão, Brown criticou e tirou sarro da Polícia de Hollywood quando eles responderam a uma chamada de distúrbio doméstico em sua casa no mês de janeiro.

Brown - que jogou em apenas um jogo da temporada regular em 2019, com o New England Patriots - está sendo investigado pela NFL por acusações de agressão sexual que foram feitas por duas mulheres.

"Sinto que nunca realmente entrei em conflito com nenhuma mulher", disse Brown a Anderson. "Eu sinto que sou um alvo, então as pessoas podem vir até mim e dizer qualquer coisa que eu terei de enfrentar. Não há apoio, não há egos, não há regras, ninguém pode me perseguir por nada. Não há prova ou algo do tipo."

"A mídia continuará com isso, então mesmo que eu não seja culpado, eu já sou culpado porque eles já escreveram, colocaram na TV e colocaram isso na mente das pessoas. Então, ter que sentar aqui e ouvir essas alegações é injusto", disse ele.