<
>

NFL: Veja a ordem das 20 primeiras escolhas do draft de 2020 e a projeção para o restante

A ordem das 20 primeiras escolhas para o Draft da NFL em 2020 já está definida, com o Cincinnati Bengals, dono da pior campanha da temporada (2-14), escolhendo primeiro. Será que eles escolheriam o melhor prospecto de quarterback, Joe Burrow?

Oakland Raiders, Jacksonville Jaguars e Miami Dolphins, ao mesmo tempo, têm múltiplas escolhas de primeira rodada.

A primeira rodada do Draft acontece no dia 23 de abril, em Las Vegas, e as escolhas continuam no dia 24, com as rodadas 2 e 3, e no dia 25, as rodadas de 4 a 7 encerram o evento.

Confira abaixo a lista final dos donos das escolhas de 1 a 20, assim como a projeção da Football Power Index da ESPN para as ordem dos times que estão nos playoffs e ficam com as escolhas 21 a 32.

1. Cincinnati Bengals (2-14)

A última vez que os Bengals escolheram primeiro foi em 2003, quando selecionaram o quarterback vencedor do troféu Heisman – que premia o jogador mais incrível da temporada do futebol americano univertsitário –, Carson Palmer. Ele passou sete temporadas em Cincinnati e foi eleito ao Pro Bowl em duas oportunidades.

2. Washington Redskins (3-13)

Washington garantiu a segunda esolha geral com a derrota para os Giants no último domingo (29). A última vez que eles ficaram nessa posição? 2012, quando também ficaram com um vencedor de Heisman – Robert Griffin III. Será a quarta vez que os Redskins escolhem em segundo.

3. Detroit Lions (3-21-1)

A última vez que os Lions escolheram na terceira posição foi em 2002, quando o selecionado foi o quarterback Joey Harrington. Em quatro temporadas como titular, o QB teve campanha de 18-37.

4. New York Giants (4-12)

Quando os Giants selecionaram pela última vez com a quarta geral, escolheram Philip Rivers, em 2004. No entanto, mandaram o quarterback e uma escolha de primeira rodada de 2005 para os Chargers em troca de Eli Manning.

5. Miami Dolphins (5-11)

Das oito últimas escolhas de primeira rodada dos Dolphins, apenas três continuam no elenco. Dois outros (o offensive tackle Laremy Tunsil e o safety Minkah Fitzpatrick) foram trocados e foram eleitos ao Pro Bowl nessa temporada pelas suas novas franquias. Ryan Tannehill, escolha de primeira rodada de 2012 e trocado para o Tennessee Titans na última temporada, poderia ter sido o terceiro dessa lista.

6. Los Angeles Chargers (5-11)

Essa é apenas a terceira vez desde 2004 que os Chargers escolhem no top 10. As outras duas escolhas foram o defensive end Joey Bosa (3ª escolha) e o wide receiver Mike Williams (7ª).

7. Carolina Panthers (5-11)

Nas últimas escolhas dos Panthers dentro do top 10, eles ficaram com o running back Christian McCaffrey (8ª), o linebacker Luke Kuechly (9ª) e o quarterback Cam Newton (1ª). Carolina perdeu oito jogos consecutivos para fechar a temporada.

8. Arizona Cardinals (5-10-1)

Uma ajuda para a primeira escolha geral de 2019, Kyler Murray, deve estar em pauta para os Cardinals. Muitos wide receivers estão ranqueados por especialistas entre os melhores prospectos da classe de 2020.

9. Jacksonville Jaguars (6-10)

A escolha dos Jaguars será a 18ª no top 10 desde que a franquia nasceu em 1995, a maior quantidade entre todas as franquias. Os Cardinals, que estarão entre os dez primeiros pela 15ª vez, estão em segundo.

10. Cleveland Browns (6-10)

Os Browns precisam proteger o quarterback Baker Mayfield melhor do que fizeram em 2019. Eles não selecionam um offensive tackle na primeira rodada desde quando ficaram com Joe Thomas com a terceira escolha de 2007.

11. New York Jets (7-9)

Os Jets não gastam uma escolha de primeira rodada em um jogador ofensivo que não é um quarterback desde quando selecionaram o tight end Dustin Keller (30ª) em 2008. Essa seria uma boa oportunidade de ficarem pela primeira vez com um offensive tackle desde 2006, quando D’Brickashaw Ferguson chegou à franquia.

12. Oakland Raiders (7-9)

Oakland não tem uma escolha na segunda rodada, mas tem duas na primeira e três na terceira. Eles tentarão melhorar a pior defesa da liga, de acordo com a métrica de eficiência da FPI.

13. Indianapolis Colts (7-9)

Outro lugar de luxo para um dos talentosos membros da classe de wide receivers desse draft? Os recebedores dos Colts sofreram para permanecerem saudáveis ao londo de 2019.

14. Tampa Bay Buccaneers (7-9)

Esse draft não é considerado profundo para a classe de linha ofensiva, mas essa é a maior necessidade dos Bucs. Por outro lado, essa escolha pode melhorar ainda mais uma das mais evoluídas defesas da liga.

15. Denver Broncos (7-9)

Os Broncos escolheram sólidos prospectos ofensivos nos dois últimos drafts como o wide receiver Courtland Sutton, o running back Royce Freeman, o tight end Noah Fant e o offensive tackle Dalton Risner. Eles poderiam optar por outro playmaker ou procurar um substituto de cornerback para Chris Harris Jr., que é agente livre em 2020.

16. Atlanta Falcons (7-9)

Os Falcons usaram suas últimas três escolhas de primeira rodada – incluindo duas no último draft – no ataque. Eles tiveram uma das piores defesas da NFL em 2019, então poderiam focar em cornerback ou linha ofensiva.

17. Dallas Cowboys (8-8)

Talvez os Cowboys precisam usar a primeira escolha com wide receiver, sem contrato para Amari Cooper e com Randall Cobb também indo à free agency. A secundária também é uma área que pode ser bem afetada pelas partidas dos agentes livres.

18. Miami Dolphins (via Pittsburgh Steelers 8-8)

A segunda das escolhas de primeira rodada de Miami – adquirida na troca com os Steelers por Minkah Fitzpatrick – pode ajudar muito nas necessidades da franquia. Os Dolphins não têm múltiplas escolhas de primeira rodada desde 1992.

19. Oakland Raiders (via Chicago Bears 8-8)

O general manager da equipe, Mike Mayock, e o teinador, Jon Gruden, têm diversas opções nos dias 1 e 2 de draftm que inclui uma troca para subir de escolha e selecionar alguém de mais valor.

20. Jacksonville Jaguars (via Los Angeles Rams 9-7)

Os Jaguars adquiriram essa escolha na troca de Jalen Ramsey para os Rams. É possível que eles voltem atrás buscando outro cornerback. Wide receiver e cornerback também são grandes possibilidades.

Projeções para as escolhas 21 a 32 da Football Power Index (FPI)

21. Tennessee Titans (9-7)

22. Buffalo Bills (10-6)

23. Philadelphia Eagles (9-7)

24. Minnesota Vikings (10-6)

25. Seattle Seahawks (11-5)

26. Miami Dolphins (via 10-6 Houston Texans)

27. New England Patriots (12-4)

28. New Orleans Saints (13-3)

29. Green Bay Packers (13-3)

30. Kansas City Chiefs (12-4)

31. San Francisco 49ers (13-3)

32. Baltimore Ravens (14-2)