<
>

Resumo especial da NFL tem recorde de Drew Brees e Patriots e Packers nos playoffs

A semana 15 da NFL chegou ao fim na noite de segunda-feira, com a vitória do New Orleans Saints sobre o Indianapolis Colts que fez de Drew Brees o quarteback com mais touchdowns na história da liga.

E como os playoffs estão realmente perto, o resumo da rodada vai ser um pouco diferente. Está na hora de ver que garantiu vaga na pós-temporada.

É o resumo da rodada de um jeito diferente. Confira!

Drew Brees e ponto final

O primeiro ponto fora da curva no resumo vai para Brees. Afinal, a marca quebrada pelo quarterback dos Saints não é qualquer uma.

Brees lançou quatro passes para touchdown na vitória por 34 a 7, chegou a 541 na carreira e quebrou o recorde de Peyton Manning - aposentado com 539.

E não parou nisso. Brees acertou 29 dos 30 passes que tentou, e o aproveitamento de 96,6% é o maior de todos os tempos.

O QB é, agora, o recordista em passes para TD, aproveitamento de passes na carreira, jardas e o segundo com mais lançamentos tentados - só ele e Brett Favre superaram os 10 mil.

O MVP quebra mais um recorde

Começamos a semana do começo, lá na quinta-feira, com o time mais quente de toda a NFL!

O Baltimore Ravens, já campeão da AFC Norte e dono da melhor campanha da liga, passou o trator pelo New York Jets com outra atuação absurda de Lamar Jackson.

O favorito ao MVP lançou cinco passes para touchdown e correu para 86 jardas, chegando a 1.103 na temporada e quebrando o recorde de Michael Vick para mais jardas terrestres de um QB!

Os Patriots estão nos playoffs… como sempre

Não foi bonito. Não. Mas o resultado foi bom, e a vitória sobre o Cincinnati Bengals fez os Patriots chegarem a 11 na temporada e garantirem uma vaga nos playoffs pela 11ª vez consecutiva.

Tom Brady teve apenas 128 jardas, mas lançou dois passes para touchdown. E a defesa dos Patriots fez mais uma vez a diferença, interceptando Andy Dalton quatro vezes.

A derrota que não dói tanto para os 49ers

San Francisco perdeu um jogo inacreditável para o Atlanta Falcons, com um touchdown milimétrico de Julio Jones na última jogada da partida.

Mas a derrota por 29 a 22 não estragou os planos dos 49ers, que se aproveitaram de outra derrota, a dos Rams para os Cowboys, e levaram uma das vagas da NFC para os playoffs.

Os Seahawks estão na pós-temporada

Russell Wilson liderou a vitória de Seattle sobre o Carolina Panthers por 30 a 24. E o time ainda contou com dois ótimos resultados de seus rivais.

A queda dos Rams contra os Cowboys também classificou os Seahawks. E a derrota dos 49ers para os Falcons deu a liderança da NFC Oeste de volta para Seattle.

Green Bay está de volta

No duelo 200 contra o Chicago Bears, Aaron Rodgers colocou a rivalidade mais antiga da história da NFL no bolso mais uma vez.

Os Packers estavam longe da pós-temporada há dois anos, mas estão de volta. O título da divisão ainda está garantido, mas só um desastre tira o troféu da NFC Norte das mãos de Aaron Rodgers.

Os Bills continuam ganhando

Apostar no Buffalo Bills não costumava ser uma garantia. Mas o time de 2019 não pare de vencer.

No Sunday Night Football, os Bills visitaram os Steelers, pararam o ataque do rival e saíram com a vitória por 17 a 10.

Para terminar, Buffalo tem só uma vitória a menos que New England. Ou seja, a equipe pode tirar o título da AFC Leste das mãos dos Patriots pela terceira vez neste milênio - só Jets e Dolphins conseguiram desde 2001!

Patrick Mahomes ama a neve

Falando em times que já estão nos playoffs, os Chiefs bateram os Broncos em casa debaixo de muita, muita neve!

Mas Patrick Mahomes brincou de novo, ignorou a pressão de Von Miller e lançou para 340 jardas e dois passes para touchdown na vitória fácil por 23 a 3.

*Especial de ‘adeus

A semana 15 eliminou oficialmente os Bears e os Broncos. Mas não são essas as despedidas que estamos falando aqui.

Eli Manning foi titular pela última vez em cas com o New York Giants. O lendário QB da franquia lançou dois touchdowns na vitória por 36 a 20 sobre o Miami Dolphins e saiu de campo ovacionado.

Do outro lado do país, outro ‘adeus’ muito diferente do de Eli.

Os Raiders, que estão de mudança para Las Vegas, perderam para os Jacksonville Jaguars no último jogo da franquia em Oakland. E os torcedores, muito “felizes” com a mudança e a derrota, começaram a jogar lixo (!) em campo…