<
>

NFL: Duas palavras para resumir a temporada de cada um dos 32 times

play
Brady e os Patriots pífios, e redenção de QB's: Paulo Antunes diz o que curtiu e o que não curtiu da semana 13 da NFL (2:56)

Vídeo completo está disponível no WatchESPN (2:56)

A temporada regular da NFL está oficialmente em sua reta final.

Mas como podemos descrever o que aconteceu até agora, com apenas quatro semanas para o fim do ano?

Respondemos às questões de forma simples e direta. Com duas palavras.

AFC LESTE | AFC NORTE | AFC SUL | AFC OESTE
NFC LESTE | NFC NORTE | NFC SUL | NFC OESTE

AFC LESTE

Buffalo Bills

Resumo em duas palavras: Boa surpresa.

Os Bills estão na cola dos Patriots na divisão, com apenas uma vitória a menos na tabela. A defesa de Buffalo é a terceira que menos permite pontos por jogo na liga (15.3), e o quarterback Josh Allen tem animado os torcedores com partidas sólidas.

Miami Dolphins

Resumo em duas palavras: Processo doloroso.

Esse era o plano dos Dolphins. Perder agora para vencer no futuro. A temporada de estreia do técnico Brian Flores começou com sete derrotas seguidas, mas, desde então, o time tem conseguido empolgar seu torcedor - são três vitórias nas última cinco partidas.

New England Patriots

Resumo em duas palavras: Vantagem aproveitada

Os Patriots lideram a divisão com 10 vitórias e apenas duas derrotas. Mas há algo de estranho acontecendo em New England quando o time enfrenta rivais relativamente fortes - casos dos jogos contra Ravens e Texans, únicos times que bateram o time de Brady. A vaga nos playoffs é quase certa pelo começo de temporada, mas o ataque dos Patriots ainda precisa se provar.

New York Jets

Resumo em duas palavras: Desastre absoluto.

Tudo deu errado para Jets. Tudo. Sam Darnold ficou doente e viu fantasmas. Le'Veon Bell não produziu como era esperado. Jamal Adams quase foi trocado e se irritou com a direção do time. Os Jets são uma bagunça, dentro e fora de campo.

AFC NORTE

Baltimore Ravens

Resumo em duas palavras: Destruindo expectativas.

Quando a temporada começou, os Ravens eram vistos como o terceiro melhor time da divisão, e Lamar Jackson ainda era muito questionado: seria ele capaz de liderar o ataque de Baltimore. A reposta é SIM, com letras maiúsculas, e o favorito ao MVP levou sua equipe à melhor campanha da liga depois de 13 semanas.

Cincinnati Bengals

Resumo em duas palavras: Historicamente ruim.

Os Bengals têm a pior campanha da NFL, e só venceram um jogo na semana 13. Andy Dalton perdeu a vaga de titular e recuperou semanas depois. O retorno de AJ Green nunca aconteceu, e a campanha de Cincinnati é simplesmente pífia.

Cleveland Browns

Resumo em duas palavras: Desastre disciplinar.

Os Browns são o time que mais cometeu faltas em toda a NFL (128). Exemplo perfeito do que é ser treinado por Freddy Kitchens. A aposta em Odell Beckham Jr. não deu resultado, Baker Mayfield decepcionou de forma assustadora, e Cleveland vai passar mais um ano sem saber o que são os playoffs.

Pittsburgh Steelers

Resumo em duas palavras: Recupere, recomece.

Ben Roethlisberger se machucou na semana 2. Mason Rudolph assumiu seu lugar. James Conner sofreu com lesões. E os Steelers fizeram a contestada troca de uma escolha de primeira rodada pelo cornerback Minkah Fitzpatrick. Mesmo assim, tudo deu certo. O começo com três derrotas seguidas incomodou, mas Mike Tomlin apostou em Duck Hodges como quarterback titular, e os Steelers estão próximos da pós-temporada.

AFC SUL

Houston Texans

Resumo em duas palavras: Consistentemente inconsistente.

Ofensivamente, os Texans vivem de altos e baixos. Mas o excelente elenco de Houston, ao menos no papel, mostrou sua força na vitória convincente sobre os Patriots na semana 13. Tudo, claro, sob o comando da dupla Deshaun Watson e DeAndre Hopkins. O problema será segurar o ascendente Tennesse Titans.

Indianapolis Colts

Resumo em duas palavras: E se...

Os Colts teriam uma campanha muito melhor se Adam Vinatieri não tivesse errado tantos chutes importantes. Aos 46 anos, o kicker foi o responsável por derrotas contra os Chargers e os Steelers, por exemplo. Já são 14 chutes errados para Vinatieri nesta temporada, e o aproveitamento de 68% nos field goals é o pior de sua carreira.

Jacksonville Jaguars

Resumo em duas palavras: Minshew x Foles.

Nick Foles quebrou a clavícula na semana 1 da temporada. Gardner Minshew assumiu o lugar, brilhou, mas o nível dos Jaguars caiu até a volta de Foles. E quando todos achavam que o quarterback contratado para ser titular voltaria em alto nível... foram dois jogos inteiros até que ele voltasse a esquentar o banco de Minshew na semana 13, contra os Chiefs.

Tennessee Titans

Resumo em duas palavras: Mariota, Tannehill.

Marcus Mariota foi titular nas seis primeiras semanas, com apenas duas vitórias. Mas a derrota por 16 a 0 para os Browns fez o treinador Mike Vrabel decidir dar uma chance para Ryan Tannehill. Desde então, as coisas mudaram completamente: cinco vitórias e apenas uma derrota para o time que briga diretamente pelo título da divisão contra os Texans.

AFC OESTE

Denver Broncos

Resumo em duas palavras: Problemas, testes.

No primeiro ano do técnico Vic Fangio, os Broncos se frustraram com Joe Flacco, perderam jogos com Brandon Allen e, finalmente, tiveram um motivo para sorrir com a vitória sobre os Chargers na estreia de Drew Lock. Denver decepcionou em vários sentidos e não ficou nem perto de brigar pelos playoffs.

Kansas City Chiefs

Resumo em duas palavras: Só Mahomes.

O atual MVP da NFL teve grandes momentos, mas não recebeu a mesma ajuda do restante do ataque dos Chiefs - principalmente de seus running backs - e da defesa - a 8ª que mais permite jardas por partida. Mahomes ficou fora de três jogos da temporada com uma lesão no joelho, mas ainda assim é o 4º em jardas por jogo, somou 20 touchdowns e apenas duas interceptações. Kansas City lidera a divisão e, com o QB saudável, será um problema nos playoffs.

Los Angeles Chargers

Resumo em duas palavras: Derrotas revolucionárias.

A cada semana que passa, os Chargers encontram novas formas de perder jogos. Na última rodada, contras os Broncos, o time conseguiu uma conversão incrível na 4ª para 11 jardas graças à recepção incrível de Mike Williams. O field goal que levaria o jogo para a prorrogação aconteceu com 14 segundos para o fim, mas... uma interferência de Casey Hayward em um passe incompleto de Drew Lock colocou os Broncos em posição de vencer a partida. E eles não erraram.

Oakland Raiders

Resumo em duas palavras: Ainda não.

Os Raiders sobreviveram ao calendário difícil das primeiras semanas, incomodaram na divisão, mas voltaram à realidade com as derrotas duras para Jets (sim, isso mesmo) e Chiefs. Ainda assim, a campanha de 6 vitórias e 6 derrotas é melhor do que esperado em Oakland.

NFC LESTE

Dallas Cowboys

Resumo em duas palavras: Muito inconsistente.

Os Cowboys começaram a temporada parecendo o time a ser batido na NFC. Até perderem para os Jets. As coisas melhoraram de novo, mas o time caiu para Vikings, Patriots e Bills e só venceram os fracos Lions nas últimas quatro semanas. Ainda assim, graças ao decepcionante Philadelphia Eagles, Dallas lidera a divisão com 50% de aproveitamento na temporada.

New York Giants

Resumo em duas palavras: Vice-lanterna

Eli Manning está praticamente no passado. O calouro Daniel Jones começou bem. Mas tudo foi por água abaixo nas semanas seguintes. Saquon Barkley sofreu com lesões e ficou longe das expectativas, e a passagem do técnico Pat Shurmur parece cada vez mais perto do fim depois de mais uma temporada com pelo menos 10 derrotas - o bastante para deixar os Giants com a segunda pior campanha da NFL.

Philadelphia Eagles

Resumo em duas palavras: Carson Wentz?

É difícil entender o que acontece com o quarterback dos Eagles. Os números não são os piores (20 touchdowns e 7 interceptações), mas ele está muito longe de ser aquele da temporada de Super Bowl em Philadelphia. E com Wentz abaixo do nível esperado, os Eagles brigam de forma medíocre pelo título da divisão.

Washington Redskins

Resumo em duas palavras: Desastre completo.

O técnico Jay Gruden foi demitido depois de perder as cinco primeiras partidas. O tackle Trent Williams, uma das estrelas do time, detonou a direção e se recusou a treinar com a equipe. Os Redskins venceram só três vezes na temporada, e o estádio do time se tornou casa para os times que visitam Washington. Resta esperar uma evolução do quarterback calouro Dwayne Haskins e tentar usar da melhor forma a escolha de draft da próxima temporada.

NFC NORTE

Chicago Bears

Resumo em duas palavras: Ainda viva.

Os Bears são um time estranho. A defesa não é dominante como a da temporada passada, mas ainda é uma das melhores da NFL. Só que o ataque... Mitchell Trubisky melhorou nas últimas semanas, mas Chicago teve problemas para vencer os fracos Giants e Lions. Mesmo assim, são só duas vitórias a menos que os Vikings, e os playoffs ainda são uma (remota) possibilidade.

Detroit Lions

Resumo em duas palavras: Perfeitamente medíocre.

Medíocre é a palavra que resume a identidade dos Lions de Matt Patricia. Bons momentos com Matthew Stafford, Kenny Golladay, Marvin Jones foram superados pela fraca defesa que não consegue parar ataques aéreos e terrestres - e é a quarta pior da NFL em jardas permitidas por jogo (398.1).

Green Bay Packers

Resumo em duas palavras: Primeiro lugar.

Os Packers mandam na divisão nesta temporada. Aaron Rodgers começou a produzir como é esperado no ataque do novo treinador Matt LaFleur, Aaron Jones e Jamaal Williams formam uma das melhores duplas de running backs da liga, e depois de duas temporadas longe dos playoffs, Green Bay voltou a incomodar na NFC.

Minnesota Vikings

Resumo em duas palavras: Altos, baixos.

Os melhores momentos dos Vikings foram muito bons - como o mês de outubro perfeito -, mas os piores... Kirk Cousins teve sequências em que jogou como um dos melhores quarterbacks de toda a NFL e, ainda assim, Minnesota vê sua vaga nos playoffs ameaçada por Bears e Rams - times claramente inferiores nesta temporada.

NFC SUL

Atlanta Falcons

Resumo em duas palavras: Desastre total.

Os Falcons deveriam estar brigando pelo título da divisão na semana 14, mas já estão eliminados e não têm mais chances de chegar aos playoffs. Foram seis derrotas seguidas em um começo de temporada com apenas uma vitória em oito semanas. O ataque terrestre sofreu, a defesa falhou, os special teams erraram em momentos importantes. Tudo isso somado acabou com a empolgação da torcida que viu Matt Ryan, Julio Jones e Austin Hooper brilharem no jogo aéreo.

Carolina Panthers

Resumo em duas palavras: O fim.

Os Panthers começaram mal com Cam Newton, voltaram a incomodar com Kyle Allen e Christian McCaffrey, mas a derrota para os Redskins marcou o fim da passagem do técnico Ron Rivera depois de nove anos na franquia. Isso sem falar no próprio Cam Newton, que deve deixar o time após a temporada.

New Orleans Saints

Resumo em duas palavras: Tudo positivo.

Os Saints venceram os Falcons e se tornaram o primeiro time campeão de divisão na temporada. Nem mesmo a lesão de Drew Brees, que afastou o quarterback por cinco semanas, atrapalhou (graças a Teddy Bridgewater). A defesa é uma das mais fortes da liga, e New Orleans surge como um dos favoritos ao título da conferência.

Tampa Bay Buccaneers

Resumo em duas palavras: Assustadoramente inconsistente.

Jameis Winston é empolgante. Ele é o 6º com mais touchdowns lançados (22). E o primeiro em passes interceptados (20). E a inconsistência do quarterback também é refletida no time, que tem cinco vitórias e sete derrotas e ocupa o segundo lugar da divisão.

NFC OESTE

Arizona Cardinals

Resumo em duas palavras: Problemas ofensivos.

Kyler Murray mostrou muito potencial em sua primeira temporada na NFL, mas o ataque dos Cardinals teve muitos altos e baixos durante a temporada. As lesões de David Johnson também atrapalharam, e os Cardinals chegam na semana 14 já entre os eliminados.

Los Angeles Rams

Resumo em duas palavras: Sob dúvidas.

Jared Goff está longe de ser o da temporada passada. Longe. E o ataque de Sean McVay é uma das decepções da temporada da NFL - também por conta da queda de rendimento de Todd Gurley. Ainda assim, os bons momentos que o time teve na temporada deixam os Rams respirando na briga por uma vaga nos playoffs.

San Francisco 49ers

Resumo em duas palavras: Quase perfeito.

Os 49ers são mais um dos times no 'clube das 10 vitórias' da NFL - ao lado de Patriots, Ravens, Saints e os rivais de divisão Seahawks. A defesa de San Francisco é doutrinadora, e Garoppolo melhorou com o passar do tempo. A briga pelo título de divisão com Seattle deve definir o que cada time será capaz de fazer nos playoffs.

Seattle Seahawks

Resumo em duas palavras: Russell Wilson.

Não tem sido fácil, bonito... nada disso. Mas os Seahawks venceram nove vezes - de dez - por até uma posse de bola e lideram a divisão. A partida da semana 13 contra os Vikings mostrou o espírito do time, que promete fazer muito barulho na pós-temporada.