<
>

Semana 6 da NFL teve bênção do Papa, mágica, hat-trick e até dancinha à la NSYNC de Justin Timberlake

Terça-feira chegou, a semana 6 da NFL acabou, e você já sabe: é hora do resumão!

A rodada teve polêmica de arbitragem, recorde, bênção do Papa, homenagem a NSYNC, mágica, hat-trick... ou seja, você não pode perder nada!

Bye, Bye, Bye

O Seattle Seahawks saiu atrás do placar contra o Cleveland Browns, Russell Wilson chegou a comandar uma campanha inteira sem conseguir falar com seus treinadores (isso mesmo, veja aqui embaixo), mas o quarterback, um dos favoritos ao prêmio de MVP da temporada, comandou mais uma vitória. E, SIM, teve coreografia inspirada em NSYNC (oi, Justin Timberlake).

E tudo isso apesar de Odell Beckham Jr. finalmente ter tido um jogo digno de Odell Beckham Jr. - foram 101 jardas para o wide receiver, que ainda fez isso aqui abaixo).

Polêmicas!

O Green Bay Packers fechou a semana 6 vencendo o Detroit Lions com o field goal decisivo de Mason Crosby.

Mas o jogo ficou marcado pelas polêmicas da arbitragem: os Lions reclamam de um touchdown que não foi confirmado, faltas da linha ofensiva dos Packers, interferência em passe...

O jogo da semana!

Patrick Mahomes x Deshaun Watson. Que JO-GA-ÇO.

O Kansas City Chiefs recebeu o Houston Texans no dia da volta de Tyreek Hill (que já meteu o pé na porta e agarrou dois passes para touchdown), mas quem levou a melhor foi Watson!

Com a bênção do Papa

O Papa Francisco começou o dia mencionando os #Saints no Twitter, e New Orleans devolveu as bênçãos em campo.

Ok, o jogo não foi tão bonito assim (apesar de todo o glamour de Gardner Minshew, quarterback do Jacksonville Jaguars). Mas Teddy Bridgewater - e o Papa - terminaram o final de semana com boa notícia para os Saints.

Cadê a torcida dos Chargers?

O Pittsburgh Steelers, que foi para o jogo com seu TERCEIRO quarterback (olá, Devlin Hodges), venceu o Los Angeles Chargers fora de casa. Ou será que foi isso mesmo?

O Dignity Health Sports Park, estádio dos Chargers, estava TOMADO por torcedores... dos Steelers!

Sam Darnold está de volta!

Sim, ele, Sam Darnold, a esperança dos sonhos dos torcedores do New York Jets voltou! Mas que ninguém esperava o que aconteceu no domingo...

Com o quarterback em campo, os Jets receberam o Dallas Cowboys e começaram o jogo passando o trator (o fim de jogo não foi tão empolgante assim para o time de Nova York, mas ao menos eles venceram a primeira na temporada).

Mágica dos Panthers

Outubro de 2019. Semana 6 da NFL. Está provado que o Carolina Panthers não é um time qualquer.

Curtis Samuel brilhou na end zone - com ajuda do ainda invicto quarterback Kyle Allen -, e Christian McCaffrey fez mágica (ou quase isso), e os Panthers bateram o Tampa Bay Buccaneers em Londres.

Hat-trick para Stefon Diggs

O clima no Minnesota Vikings é instável em 2019. Stefon Diggs e Adam Thielen, astros do time, já reclamaram do quarterback Kirk Cousins. Mas Diggs não teve motivos para falar mal de se QB no domingo.

Foram TRÊS touchdowns para ele, que ainda somou 167 jardas na vitória sobre o Philadelphia Eagles.

Uma mensagem para os haters

Se você não apostou no San Francisco 49ers, Richard Sherman não quer nem ouvir seu nome.

Os Niners bateram Los Angeles Rams e, quem diria, são o único time invicto da NFC - em toda a liga, só eles e o New England Patriots ainda não sabem o que é perder.

Hora de parar de pular...

Vamos combinar uma coisa, NFL. Está na hora de parar de tentar pular sobre os adversários.

Já tivemos exemplos de algumas pancadas dolorosas nesta temporada, e o nosso exemplo da semana é Mark Andrews, que fez isso aí na vitória do Baltimore Ravens sobre o Cincinnati Bengals.

Lamar Jackson faz história... de novo

Falando em Ravens, Lamar Jackson quebrou mais um recorde.

Na vitória sobre os Bengals, o quarterback passou para 236 jardas e correu para outras 152 (além de um touchdown)! De quebra, ele se tornou o primeiro QB na era Super Bowl a ter mais de 200 jardas aéreas e 150 terrestres na mesma partida. RIDÍCULO!