<
>

Patriots ganham apesar de Brady e vitórias insanas de Chiefs e Buccaneers: o resumo da semana 4 da NFL

Você piscou o olho, e quatro semanas já se passaram na temporada da NFL!

Perdeu alguma coisa da rodada? Passou o domingo fazendo outra coisa e não conseguiu acompanhar tudo de perto?

Não tem problema! Aqui vai o nosso resumo da semana!

Patriots sobrevivem em dia ruim de Brady

Tom Brady teve sua pior atuação na temporada, mas o New England Patriots contou com sua defesa para vencer o Buffalo Bills por 16 a 10.

Foram apenas 150 jardas para o quarterback, que foi interceptado uma vez e não lançou passes para touchdown. Mas, apesar de fraca, a performance foi suficiente para manter os Patriots invictos depois de quatro jogos.

Insanidades em Detroit

O Kansas City Chiefs foi até a casa do Detroit Lions para um dos melhores jogos da rodada!

O ataque dos Lions funcionou e pressionou a defesa dos Chiefs durante toda a partida. E Patrick Mahomes, que NÃO teve passes para touchdown, liderou a virada dos visitantes com apenas 20 segundos para o final do jogo.

E o atual MVP pode até ter tido um jogo abaixo da média, mas ele não cansa de impressionar - teve até olhadinha para a arbitragem...

Os Giants ainda têm um quarterback!

Ok, não foi empolgante como na semana passada. Mas o New York Giants venceu mais uma com o calouro Daniel Jones como quarterback.

Wayne Gallman aproveitou a ausência do astro Saquon Barkley e marcou dois touchdowns, e os Giants passaram por cima do Washington Redskins por 24 a 3.

95 pontos em Los Angeles!

Surreal!

O Los Angeles Rams era o grande favorito para o confronto com o Tampa Bay Buccaneers, mas o que aconteceu no domingo...

Tampa Bay começou e terminou o jogo atropelando. Só o último quarto teve placar de uma partida inteira: 24 a 20! Foram quatro touchdowns e 385 jardas para Jameis Winston, contra dois touchdowns, três interceptações e 517 jardas (!) para Jared Goff.

No fim, os Buccaneers, que ainda contaram com 172 jardas e dois TDs do wide receiver Chris Godwin, venceram por impressionantes 55 a 40.

Bom dia, Cleveland Browns

Nós esperamos muito tempo para ver o Cleveland Browns mostrar do que é capaz. E isso aconteceu exatamente no duelo de divisão contra o forte Baltimore Ravens.

O running back Nick Chubb foi o cara da partida, com três touchdowns e 165 jardas - sendo que 88 delas foram em um de seus TDs. Lamar Jackson não teve vida fácil contra a defesa de Cleveland e foi interceptado duas vezes - apesar de ter lançado três touchdowns.

A defesa dos Bears é...

O Chicago Bears perdeu seu quarterback Mitchell Trubisky logo no começo do jogo. O reserva Chase Daniel comandou o ataque do time, mas nem precisou fazer muito. Afinal, a defesa dos Bears é de outro mundo!.

Foram dois fumbles forçados e seis sacks para o grupo liderado por Khalil Mack, que também parou o running back Dalvin Cook, e Chicago derrubou o rival de divisão Minnesota Vikings.

Dobradinha Minshew/Fournette

O Jacksonville Jaguars merece nossa atenção!

Contra o Denver Broncos, o quarterback calouro Gardner Minshew brilhou mais uma vez - com 213 jardas e dois touchdowns -, mas foi o running back Leonard Fournette quem teve a melhor atuação de sua carreira: 225 jardas terrestres!

E com um field goal de 33 jardas, Josh Lambo venceu o jogo para os Jaguars com o relógio zerando.

O Super-Homem existe (e joga nos Panthers)

Christian McCaffrey decolou (literalmente) e liderou a vitória do Carolina Panthers sobre o Houston Texans fora de casa!

McCaffrey teve 93 jardas terrestres e um touchdown correndo com a bola, além de 10 recepções e mais 86 jardas pelo ar.

Amari Cooper x quatro Saints

O Dallas Cowboys estava invicto na temporada e encarou um New Orleans Saints que ainda não conta com Drew Brees.

Mas Dek Prescott teve sua pior atuação no ano, com apenas 223 jardas e uma interceptação, Ezekiel Elliott correu para só 35 jardas, e os Cowboys tentaram até o fim, mas perderam pela primeira vez em 2019.

A lenda Larry Fitzgerald

O Arizona Cardinals ainda não sabe o que é vencer em 2019. Mas o time teve uma boa notícia na partida contra o Seattle Seahawks!

O lendário wide receiver Larry Fitzgerald chegou a 1.326 recepções na carreira e superou Tony Gonzalez para assumir o 2º lugar no ranking histórico da NFL - atrás apenas de Jerry Ryce (1.549).