<
>

De volta à NFL, Tom Brady admite 'baque' com eliminação para os Rams e explica motivos para volta da aposentadoria

play
Semana NFL: Teremos um QB escolhido no Top 5 do Draft?; VEJA (3:26)

Assista à NFL ao vivo pela ESPN no Star+ (3:26)

Tom Brady explicou os motivos de ter cancelado a aposentadoria e aceitado jogar mais uma temporada no Tampa Bay Buccaneers


Na última segunda-feira (18), Tom Brady disse que, mesmo após anunciar a aposentadoria, ele sabia que ainda conseguiria jogar mais uma temporada na NFL e que começou a pensar em voltar ao Tampa Bay Buccaneers quando começou a free agency no mês passado.

“Eu sabia que meu corpo, fisicamente, ainda conseguiria aguentar e, obviamente, eu sou apaixonado pelo esporte. Eu penso que sempre serei apaixonado pelo esporte”, disse Brady, em entrevista à ESPN. “Eu realmente acredito que estarei em boas condições físicas. Acho que ainda existe espaço para mim dentro de campo”.

Quando se aposentou no dia 1 de fevereiro, ele passou um tempo com a esposa e filhos, refletindo sobre a decisão de deixar o futebol americano para trás. Durante este período, ele começou a ter o sentimento de que ainda deveria estar jogando.

O camisa 12 conversou com as pessoas que ele construiu uma relação em Tampa, incluindo o ex-treinador Bruce Arians, e, eventualmente, decidiu que ainda não era seu momento. Brady revelou que o carinho por seus companheiros de equipe e o desejo pelo desafio que a organização vai enfrentar com o novo coordenador defensivo, Todd Bowles, motivaram o retorno.

play
3:26

Semana NFL: Teremos um QB escolhido no Top 5 do Draft?; VEJA

Assista à NFL ao vivo pela ESPN no Star+

Porém, o lendário quarterback garantiu que ainda não engoliu a forma como a última temporada acabou, com uma derrota de 30 a 27 para o Los Angeles Rams nos playoffs da NFC.

“No fim do dia, eu amo a competição dentro de campo”, explicou Brady, que falou com a ESPN um dia antes de lançar sua nova coleção de golfe para sua marca de roupas esportiva. “E, na temporada passada, tivemos um final de temporada amargo. Para alcançar o sucesso, temos que corrigir muitas coisas”.

Brady não sabe o quanto ainda pode jogar, mas, sentindo seu corpo em condições para a atividade, ele não quer sair de cena e perder a chance de ter outra temporada bem-sucedida com os Buccaneers.

“Eu sei que eu não tenho muito mais tempo, eu sei disso. Eu sei que estou no fim da minha carreira. Eu queria poder continuar para sempre, mas não posso. E, hoje, o futebol cobra um preço muito alto. Meus filhos estão crescendo e está ficando cada vez mais difícil perder esses momentos. Mas eu queria dar para mim, para meus companheiros e para nossa organização mais uma oportunidade incrível de conquistar algo a gente possa se orgulhar muito”, explicou.