<
>

De Jordan a Schumacher: relembre astros que, como Tom Brady, largaram aposentadoria e voltaram ao esporte

Tom Brady desistiu da aposentadoria e se juntou a uma lista que também tem Michael Jordan, Michael Phelps, Michael Schumacher e outros nomes de peso


Um dos maiores jogadores de todos os tempos da NFL, Tom Brady anunciou neste domingo (12) que desistiu de se aposentar para defender o Tampa Bay Buccaneers por mais uma temporada. Com isso, o quarterback se tornou parte da lista de estrelas do esporte mundial que retornaram à ativa após o final de suas carreiras.

O ESPN.com.br listou alguns dos principais atletas do esporte mundial que largaram a aposentadoria e voltaram à atividade.

Michael Jordan

Possivelmente o maior jogador de basquete de todos os tempos, Michael Jordan se aposentou pela primeira vez em 1993, após três títulos seguidos da NBA pelo Chicago Bulls para tentar uma carreira no beisebol. Em 1994, ele atuou nas ligas menores da MLB pelo Chicago White Sox, mas passou longe de ter o mesmo sucesso que tinha nas quadras.

Em 1995, em meio a uma greve dos jogadores da MLB, Jordan decidiu retornar ao basquete e conquistou mais três títulos pelos Bulls entre 1996 e 1998. Após duas temporadas sem o mesmo brilho pelo Washington Wizards, o astro se aposentou definitivamente do esporte profissional.

Michael Schumacher

Dono de sete títulos de pilotos na Fórmula 1, Michael Schumacher se aposentou em 2006 como o maior campeão da categoria, conquistando dois campeonatos pela Benetton (1994 e 1995) e cinco seguidos pela Ferrari (2000 a 2004). Após três anos, em 2010, ele retornou ao circuito e correu pela Mercedes entre 2010 e 2012.

Michael Phelps

Mais um Michael na lista, Phelps se aposentou após os Jogos Olímpicos de 2012, já como o maior medalhista olímpico de todos os tempos. No entanto, ele voltou à natação profissional em 2014 e conquistou mais cinco medalhas de ouro nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, chegando a 23 ouros olímpicos e 28 medalhas no total, sendo o recordista em ambas as categorias com larga vantagem.

Martina Hingis

Ex-número 1 do mundo, a tenista Martina Hingis se aposentou em 2003, aos 22 anos, após conquistar cinco títulos de Grand Slam de simples e outros nove de duplas. Ela retornou em 2005 e se aposentou novamente em 2007 após falhar um exame antidoping, mas voltou novamente em 2010, conquistando mais 10 títulos de Grand Slam em duplas.

Alain Prost

Após conquistar três títulos de pilotos na Fórmula 1, Alain Prost ficou um ano afastado das corridas em 1992 depois de duas temporadas na Ferrari. Ele retornou para sua última temporada em 1993, correndo pela Williams, e superou o brasileiro Aytron Senna com folga, sendo tetracampeão com duas corridas de antecedência antes de se aposentar de vez ao final do ano.

Magic Johnson

Um dos melhores armadores da história, Magic Johnson conquistou cinco títulos de NBA e três prêmios de MVP pelo Los Angeles Lakers antes de se aposentar em 1991, aos 31 anos de idade, após contrair o vírus HIV. Ele retornou às quadras em 1996, disputando mais 32 jogos pelos Lakers antes de se aposentar definitivamente.

Floyd Mayweather

Dono de um cartel perfeito no boxe, Floyd Mayweather se aposentou em 2007, aos 30 anos, e ficou longe dos ringues até 2009, quando voltou a lutar até se aposentar novamente em 2015. O pugilista retornou da aposentadoria mais uma vez em 2017 para enfrentar Conor McGregor, astro do UFC, conquistou sua 50ª vitória em 50 lutas na carreira e não lutou mais em eventos profissionais.