<
>

NFL: uma previsão de todos os 32 quarterbacks titulares da próxima temporada, já com Wilson nos Broncos

play
Renovação de Aaron Rodgers na NFL não impressiona comentarista da ESPN: 'E daí? Ele vai ser campeão?' (1:22)

Stephen A. Smith definiu: 'É Super Bowl ou fracasso para o seu legado' (1:22)

Quais franquias da NFL irão manter seu quarterback de 2021 e quais irão ter um novo comandante?


*Conteúdo patrocinado por Claro, Mitsubishi Motors, Samsung Galaxy, C6BANK e Magalu

Existem cenários fáceis de imaginar nos quais esta intertemporada da NFL pode virar de cabeça para baixo definida pela movimentação dos quarterbacks.

E se os Bucs decidirem se reforçar após a aposentadoria de Tom Brady e fazer uma investida por um veterano experiente que poderia estar disponível através de uma troca?

Existe também um cenário no qual a inércia se mantém e grande parte dos quarterbacks ficam em lugares parecidos em 2022.

Vamos fazer um balanço para prever o dia de estreia de todas as 32 equipes em 2022, lembrando que estes são apenas palpites já informados. A intertemporada ainda nem começou de fato e muito pode mudar, com apenas uma peça do dominó impactando várias equipes.


Equipes que vão manter seus titulares

Kansas City Chiefs

Titular para 2022: Patrick Mahomes

Meu plano atual é manter esta sinopse salva em algum lugar e reutilizá-la pelos próximos 10 anos, porque Mahomes estará de volta.


Buffalo Bills

Titular para 2022: Josh Allen

Allen é a minha aposta para ganhar o MVP na próxima temporada.


Cincinnati Bengals

Titular para 2022: Joe Burrow

Burrow tem sido tão bom, tão rápido. É incrível pensar neste ataque dos Bengals evoluindo mais ainda.


Los Angeles Rams

Titular para 2022: Matthew Stafford

Já estou ansioso para ver Stafford lançar mais passes para Cooper Kupp na próxima temporada.


Baltimore Ravens

Titular para 2022: Lamar Jackson

Jackson saudável dá a Baltimore um dos maiores potenciais ofensivos de qualquer equipe do campeonato.


Los Angeles Chargers

Titular para 2022: Justin Herbert

O talento de Herbert deve transformar os Chargers numa presença regular nos playoffs em pouco tempo. Talvez começando em 2022.


Dallas Cowboys

Titular para 2022: Dak Prescott

Prescott parecia absolutamente fantástico até que uma lesão na panturrilha começou a prejudicá-lo e todo o ataque no período. Ele é bom o suficiente para Dallas competir pelo título da NFC na próxima temporada.


Las Vegas Raiders

Titular para 2022: Derek Carr

Carr tem jogado um futebol americano fantástico nos últimos anos. O enredo que o envolve nesta offseason pode ser por quantos milhões ele vai assinar uma renovação, já que 2022 é o último ano de seu atual contrato.


Arizona Cardinals

Titular para 2022: Kyler Murray

Embora nem tudo esteja bem entre os Cardinals e Murray neste momento, não houve sinais de que a equipe ou Murray estejam interessados em um divórcio. Ele jogou muito bem no começo da temporada passada.


New England Patriots

Titular para 2022: Mac Jones

Suspeito que Jones está na fila para um salto quântico na próxima temporada, após uma boa temporada como novato.


Green Bay Packers

Titular para 2022: Aaron Rodgers

O quarterback Aaron Rodgers, de 38 anos, anunciou na última terça-feira (8) uma renovação de contrato com o Green Bay Packers. Atual MVP da liga, ele volta para um dos times mais fortes da NFL.


Philadelphia Eagles

Titular para 2022: Jalen Hurts

As três opções de primeira rodada da Philly e a situação saudável do teto salarial dão à organização os instrumentos para explorar qualquer possibilidade nesta intertemporada. Mas eu sou da opinião de que voltar com o Hurts faz mais sentido. Ele melhorou muito na última temporada.


Atlanta Falcons

Titular para 2022: Matt Ryan

Ryan está programado para contar 48,66 milhões de dólares no teto salarial em 2022, o maior da história da NFL. Embora essa parte seja um remédio difícil de engolir (sim, ainda existem maneiras de Atlanta reduzir isso), Ryan ainda é um titular eficiente, mesmo quando ele completar 37 anos em março.


Minnesota Vikings

Titular para 2022: Kirk Cousins

Se Minnesota decidir que é hora de reformular a franquia, o primeiro passo provavelmente seria adicionar capital de draft, negociando Cousins. Ele tem um salário totalmente garantido de 35 milhões de dólares para 2022 - o último ano de seu contrato - o que significa que ele tem uma grande influência se Minnesota tentar negociar uma extensão (se ele não receber a oferta que deseja, ele pode conseguir seu dinheiro nesta temporada e se tornar um agente livre em março do ano que vem).

Estou de olho neste caso, mas uma nova temporada com Cousins ainda parece mais provável.


Tennessee Titans

Titular para 2022: Ryan Tannehill

Tennessee teve a melhor campanha da AFC em 2021, mas tem a chance de ser um time melhor com mais saúde no ataque e Tannehill jogando mais como seu "eu" de 2020 do que seu "eu" de 2021.


Jacksonville Jaguars

Titular para 2022: Trevor Lawrence

A semana 18 da temporada de estreante de Lawrence - ele acertou 23 de 32 lançamentos para 223 jardas com dois touchdowns e nenhum turnover - foi um lembrete de quão grande é seu potencial, e ele deve estar pronto para muito mais sucesso com estabilidade na equipe técnica.


Miami Dolphins

Titular para 2022: Tua Tagovailoa

O novo técnico Mike McDaniel não fez nenhum mistério sobre o que ele planeja fazer: tirar o máximo de Tagovailoa. Embora houvesse momentos em que o futuro de Tagovailoa em Miami parecia incerto, o plano para 2022 é construir o time ao seu redor.


Chicago Bears

Titular para 2022: Justin Fields

A temporada de estreia de Fields foi uma mistura de momentos que mostraram seu lado positivo único e momentos que nos lembraram que ele estava jogando em sua primeira temporada da NFL. As circunstâncias não eram ideais em meio à incerteza dentro da organização sobre o futuro da gestão (desde então houve uma mudança de gerente geral e de treinador), e eu imagino um grande salto nesta temporada.


New York Jets

Titular para 2022: Zach Wilson

Wilson, segundo escolhido no draft de 2021, mostrou flashes do que ele é capaz de fazer na temporada passada, e com os recursos para melhorar muito o elenco ao seu redor, ele pode fazer muito mais esta temporada. Estou otimista quanto ao seu futuro.


Detroit Lions

Titular para 2022: Jared Goff

Embora não seja provável que Goff seja a resposta a longo prazo para Detroit, há valor no que ele traz para a franquia neste momento, uma vez que ela se baseia na sequência de jogos mais competitivos no final de 2021.

Enquanto draftar um quarterback com uma escolha que não seja a 2ª geral parece viável para os Lions, Goff deve estar escalado para voltar a ser o titular.


Houston Texans

Titular para 2022: Davis Mills

Mills teve pouco com que trabalhar durante sua temporada de novato. Podemos argumentar que ele conseguiu a segunda melhor campanha de novato entre os quarterbacks em 2021. Se este fosse um ano diferente com um grupo mais atraente de prospectos de quarterback no Draft, a conversa poderia ser diferente, mas Houston tem uma oportunidade de colocar Mills numa posição completamente diferente na próxima temporada com um coordenador ofensivo de destaque, Pep Hamilton, trabalhando com ele.


New Orleans Saints

Titular para 2022: Jameis Winston

O Saints fez uma pequena aposta em Winston há duas intertemporadas atrás, e isso se tornou um investimento extremamente inteligente, já que a escolha geral número 1 de 2015 estava jogando um bom futebol (14 touchdowns, três interceptações) na época em que ele rompeu o ligamento cruzado na última temporada.

Winston imaginava ter mercado como free agent, mas a familiaridade de New Orleans (mesmo com o grande Sean Payton fora) faz com que este seja o melhor cenário. Um quarterback na primeira rodada não pode ser descartado, mas contar com aquele que você prefere na escolha nº 18 é algo arriscado, e Winston pode ajudar esta equipe a voltar para os playoffs.


New York Giants

Titular para 2022: Daniel Jones

Não existem duas vertentes sobre o fato de que 2022 é uma temporada de "ou vai ou racha" para Jones. Os Giants precisam tomar uma decisão em relação à sua opção do quinto ano de 2023 nesta intertemporada. Embora Jones tenha sido muito propenso a conceder turnovers, as duas constantes ao seu redor em Nova York têm sido mudanças e um elenco de apoio imprevisível de uma semana para a outra.

O novo treinador Brian Daboll ajudou Josh Allen a evoluir em Buffalo e agora pode tentar com Jones.


Carolina Panthers

Titular para 2022: Sam Darnold

Não tenho dúvidas de que Carolina avaliará opções potenciais que podem estar disponíveis para troca, mas encontrar uma compatibilidade não será fácil, pois trata-se de um mercado de vendedores com poucas opções no draft e no mercado.

Darnold não é perfeito - e francamente, esta escolha provavelmente não inspira muita confiança para os fãs do Panthers - mas a decisão de Carolina de trocar por Darnold e ignorar os prospectos de quarterback na 8ª escolha geral do Draft no ano passado pode acabar sendo um nó que levará mais uma temporada inteira para desatar.


Cleveland Browns

Titular para 2022: Baker Mayfield

Esta é a última vaga nesta categoria por uma razão, porque me sinto pouco à vontade em relação a esta escolha. Os Browns não estão exatamente encurralados, mas com um salário garantido de 18,9 milhões de dólares para 2022, Mayfield não será fácil de sair do time, e parece uma situação quase intolerável o ter em uma competição por seu posto com outro quarterback.


Equipes com novos titulares

Denver Broncos

Titular para 2022: Russell Wilson

O Denver Broncos acertou uma das trocas mais bombásticas da história da NFL na última terça-feira ao adquirir o quarterback Russell Wilson dos Seahawks. Como compensação, a franquia de Seattle concordou em receber duas escolhas de primeira rodada no Draft (a 9ª escolha geral de 2022 e a escolha de 2023), duas escolhas de segunda rodada no Draft (a 40ª escolha geral de 2022 e a escolha de 2023), uma escolha de quinta rodada (também em 2022), o quarterback Drew Lock, o tight end Noah Fant e o jogador de linha defensiva Shelby Harris. Os Broncos receberão ainda uma escolha de 4ª rodada em 2022.

Nas últimas duas temporadas, a equipe do Colorado teve a 11ª e a 8ª melhores defesas da NFL segundo o índice de forças da ESPN (FPI). Agora com um quarterback de elite, a franquia espera ameaçar nos playoffs de uma concorrida Conferência Americana.


Seattle Seahawks

Titular para 2022: Malik Willis

Após 10 temporadas com Russell Wilson, sendo nove delas com mais vitórias do que derrotas, oito classificações para os playoffs, dois títulos da Conferência Nacional e um anel de campeão do Super Bowl, os Seahawks entram numa nova era. Sem seu quarterback, Seattle pode tentar encontrar um substituto no Draft, no qual terá a 9ª escolha geral, recebida do Denver Broncos na bombástica troca da última terça-feira.

A classe de quarterbacks que sai do futebol americano universitário neste ano não é avaliada como das melhores. Entre os prospectos, o que tem mais potencial é Malik Willis, que demonstrou uma incrível força no braço e habilidade atlética que em momentos lembra Lamar Jackson. No entanto, ele ainda é considerado "cru" em outros aspectos como precisão de passes e leitura de defesas.


San Francisco 49ers

Titular para 2022: Trey Lance

Penso que não é certo que Jimmy Garoppolo esteja saindo nessa intertemporada, mas parece ser o desfecho mais provável. E isso abriria o caminho para Lance tomar as rédeas depois que San Francisco usou a 3ª escolha geral nele no ano passado. A expectativa será clara: ficar perto do primeiro pelotão da NFC com Lance atrás do center.


Washington Commanders

Titular para 2022: Carson Wentz

Os torcedores dos Commanders podem estar céticos em relação a esta escolha - e com mérito dado ao que provavelmente será um final pouco cerimonioso para a breve estadia de Wentz em Indianapolis. Mas depois de tentarem tirar Russell Wilson dos Seahawks.

A escolha, então, foi por Wentz em um acordo que mandou escolhas de 3ª rodada de 2022 e 2023 para os Colts - além de uma troca das escolhas de segunda rodada em 2022. Agora, Washington vai contar com o QB e pagar os 28 milhões de dólares de salário nesta temporada - incluindo o bônus de US$ 5 milhões já em março.


Pittsburgh Steelers

Titular para 2022: Jimmy Garoppolo

Com Lance previsto para ser titular em San Francisco, Jimmy G precisa de uma nova casa e Pittsburgh se adequa a algumas das "exigências". Os Steelers têm uma necessidade enorme, espaço no teto para pagar um bom salário e estão suficientemente embaixo na ordem de escolha do Draft em uma classe que não oferece nenhuma grande oportunidade de quarterback. Um negócio por um veterano passa a fazer sentido para manter o time na briga pelos playoffs.


Tampa Bay Buccaneers

Titular para 2022: Deshaun Watson

Tampa Bay tem muitas peças no lugar para continuar sendo um concorrente ao Super Bowl, mas sua necessidade de um quarterback é tão evidente quanto qualquer equipe da liga neste momento. Watson, que não jogou em 2021, está enfrentando 22 casos civis apresentados por mulheres que o acusaram de agressão sexual e comportamento impróprio. A NFL também está investigando o caso de Watson. Seria necessário haver uma resolução nesses casos antes que qualquer operação fosse iniciada.

Se Watson ficar disponível, no entanto, o Tampa Bay provavelmente precisará desembolsar uma grande compensação para Houston, que continuará a trabalhar com Davis Mills. Embora os Bucs não tenham a segurança de adquirir um veterano de primeira linha nesta temporada para substituir Tom Brady, é o caminho mais lógico da equipe para permanecer no topo da NFC Sul.


Indianapolis Colts

Titular para 2022: Mitchell Trubisky

Wentz já virou passado nos Colts, acabando com um relacionamento decepcionante que custou capital de draft que os impede de buscar outro quarterback de primeira linha nesta intertemporada (além das implicações financeiras do acordo de Wentz).

Trubisky é perfeito? Longe disso. Mas o que os Colts pretendem fazer é aliviar a pressão em Trubisky com um jogo corrido que uma vez foi dominante e uma defesa que pode causar o caos. O preço não seria grande coisa, e existem vantagens suficientes para explorar.

*Texto com adaptações do ESPN.com.br em relação a Aaron Rodgers, Russell Wilson e Carson Wentz.