<
>

Giannis dedica título da NBA à crianças e ironiza: 'Diziam que eu não acertava lances livres. E hoje eu fiz!'

Depois de 50 anos, o Milwaukee Bucks volta a ser campeão da NBA! Com uma atuação mágica de Giannis Antetokounmpo, os Bucks superaram o Phoenix Suns por 105 a 98 nesta terça-feira e fecharam a série melhor de 7 em 4 a 2 após saírem perdendo por 2 a 0.

O ala grego foi, mais uma vez, o grande nome da partida neste jogo 6. Com 50 pontos, 14 rebotes e cinco tocos, o jogador se tornou o primeiro atleta da história com esses números em uma partida das Finais.

Conteúdo patrocinado por Sadia

Em entrevista após a partida, Giannis dedicou a conquista às crianças que precisam acreditar em seus sonhos, além de dar uma cutucada em quem não acreditou em sua capacidade.

“Isso deve fazer cada criança acreditar em seus sonhos. Não deixe ninguém dizer que você não consegue fazer algo. As pessoas disseram que eu não conseguia acertar os lances livres. E eu acertei meus lances livres hoje”, disse, brincando em sequência.

“Eu estou só brincando. Na verdade, eu não estou. Eu sou o campeão”, finalizou o astro.

Ao longo da partida, Antetokounmpo acertou 17 dos 19 lances livres que chutou, com seus erros ocorrendo somente no último quarto.

Giannis, que ganhou o prêmio de forma unânime nesta terça, se torna apenas o terceiro estrangeiro em toda a história da NBA a ser eleito o MVP de uma série das Finais.

Os outros dois foram Tony Parker, do San Antonio Spurs, que conseguiu o feito na decisão de 2007 com o título diante dos Cavaliers de LeBron James, e Dirk Nowitzki, em 2011, pelos Mavs contra o Miami Heat.

Outros trechos da entrevista