<
>

NBA: LeBron flerta com triplo-duplo, Lakers colocam Nuggets em nova situação de 3 a 1 e ficam perto das Finais

No jogo 4 das Finais do oeste, o Los Angeles Lakers bateu o Denver Nuggets por 114 a 108 e agora precisa de só mais uma vitória para garantir sua vaga na série que define o título da NBA

A vantagem de 3 a 1 parece - e é - impactante. Entretanto, a equipe do outro lado já esteve nessa situação em seus outros dois confrontos nesses playoffs... E viraram ambos.

Los Angeles mostrou uma mudança de postura clara no começo do jogo para tentar deixar para trás a derrota na última partida. Logo nos primeiros minutos, dominaram o garrafão com Dwight Howard titular e puniram Denver perto da cesta. Essa vantagem, ao redor de 10 pontos, foi a que eles mantiveram em grande parte do duelo.

Em uma corrida, os Lakers ficaram na frente quase sempre, mas os Nuggets sempre davam um pique quando a diferença ameaçava aumentar. Sem nunca ficar atrás por mais de 12, Denver deu seu maior gás na troca do 3º para o 4º quarto, chegando a cortar a vantagem de LA para apenas um ponto. Michael Porter Jr., saindo do banco, foi fundamental com seus arremessos longos nessa sequência.

Após reclamar publicamente da baixa quantidade de faltas que sofreu na série, LeBron foi para a linha de lance-livre 14 vezes - no resto da série, havia ido 10 somando todos os encontros. Como um todo, inclusive, os Nuggets sofreram com as faltas, o que deixou Jokic pendurado nos últimos 8 minutos da partida.

Com o pivô menos ativo na reta final, Jamal Murray chamou ainda mais a responsabilidade e, mais uma vez, cresceu. Do outro lado, uma torção no pé de Anthony Davis assustou muito, mas o craque não precisou sair da partida.

E aí, nos últimos minutos, LeBron James veio para fechar o jogo. Aproveitando os lances-livres e mudando o ritmo do jogo com um toco em Jamal Murray, que podia colar seu time no placar, o craque usou toda sua experiência para garantir a vitória.

Em sua carreira, LeBron James esteve na frente de uma série por 3 a 1, como nesse caso, em outras 14 oportunidades. Em todas, ele se classificou.

Jogo 5 da série acontece no sábado, às 22h de Brasília.

O domínio que os Lakers precisavam

Frank Vogel deixou clara sua insatisfação com o desempenho de seus jogadores de garrafão (Davis, McGee e Howard) no jogo 3, que somaram para apenas 4 rebotes. E foi exatamente com eles que os Lakers abriram o jogo 4 na frente.

Com isso, Dwight ganhou a vaga de titular e foi perfeito. Apenas no 1º quarto, fez 8 pontos e pegou 8 rebotes - os Nuggets, como um todo, pegaram 5.

Mas o grande responsável pelo começo incrível de LA foi Anthony Davis, que acertou seus seis primeiros arremessos e em poucos minutos já tinha 12 pontos. Apesar de assustar com uma torção de tornozelo no último quarto, ficou em quadra até o fim e foi fundamental para garantir a vitória.

À la Jordan

Jamal Murray é um dos grandes personagens, se não o maior, desses playoffs. Atuações incríveis, viradas incríveis e, é claro, jogadas incríveis.

Dessa vez, contra LeBron James, ele fez questão de anotar mais uma cesta que será eternizada.

Estatísticas

Los Angeles Lakers

  • LeBron James: 26 pontos, 8 assistências, 9 rebotes

  • Anthony Davis: 34 pontos, 5 rebotes, 3 tocos

  • Dwight Howard: 12 pontos, 11 rebotes

Denver Nuggets

  • Jamal Murray: 32 pontos, 8 assistências

  • Nikola Jokic: 16 pontos, 7 rebotes, 4 assistências, 2 roubos

  • Jerami Grant: 17 pontos, 2 roubos


Calendário

  • Jogo 5: Lakers x Nuggets, sábado, 26/09, 22h (de Brasília)