<
>

Quem foi único ex-companheiro de Jordan nos Bulls que ouviu um 'vou te arrebentar' e não se intimidou

No documentário "The Last Dance", produzido pela ESPN dos Estados Unidos, Michael Jordan retrata seu lado ultracompetitivo que deixava os companheiros de Chicago Bulls com medo e intimidados durante os treinos. Mas teve um que não abaixou a guarda.

Robert Parish é uma lenda da NBA, está no Hall da Fama e havia sido tricampeão pelo Boston Celtics nos anos 80. Em 96-97, ele chegou aos Bulls para seu último ato na carreira, já aos 43 anos.

"Eu disse a ele: 'não sou tão enamorado por você como esses caras. Eu tenho aneis também'", disse Parish, em entrevista à ESPN em 2012.

"Àquela altura ele me disse: 'Eu vou te arrebentar'. Eu dei um passo à frente e disse: 'Não, você realmente não vai'. Após isso ele nunca mais me incomodou", completou.

Parish, que teve médias de 14,5 pontos, 9,1 rebotes e 1,5 tocos na carreira, ainda disse preferir o estilo de liderança de Larry Bird.

"O que diferenciava Larry de Magic Johnson e Jordan era que ele não era um líder de jogar tudo na cara. Ele tinha muito respeito por nós. Se você não estava tendo um bom jogo, ele te encorajava ou não falava nada", analisou