<
>

NBA: Draymond Green diz que Warriors são o 'melhor time da história' e polemiza com Lakers de Shaq e Kobe Bryant

Em entrevista ao podcast semanal All the Smoke, apresentado pelos ex-jogadores da NBA Matt Barnes e Stephen Jackson, o ala Draymond Green disse que o Golden State Warriors é o "melhor time da história".

Green foi perguntado por Barnes, que foi seu companheiro de time em Golden State, onde o time dos Warriors da última década se encaixa entre os melhores da história. Green reconheçou que são épocas totalmente diferentes, mas acredita que os Warriors se sobressaem e que, se jogassem contra o Los Angeles Lakers de Shaquille O'Neal e Kobe Bryant hoje, dariam muito trabalho ao pivô.

"Acho que somos o melhor time da história. Michael Jordan não jogou na liga que jogamos hoje. Steph Curry e eu teríamos destruído Shaq no pick and roll. Na época de Shaq e Kobe, onde concentravam o jogo em cima do Shaq, provavelmente nós teríamos sido amassados".

Green voltou a destacar a diferença entre o basquete que é jogado hoje com o basquete da época dos Lakers de Shaq e Kobe e também com a era dos anos 90, dominada pelo Chicago Bulls, de Michael Jordan. O jogador também ressaltou que tem muito respeito por times que conseguiram dominar suas respectivas eras.

"Se quiser voltar aos anos 90 com os Bulls e a fisicalidade deles, não jogamos nem perto do nível de fisicalidade que eles jogavam. Então, são eras completamente diferentes e eu respeito todo mundo pelo sucesso que conquistaram em suas respectivas eras. Os Lakers fizeram isso, os Bulls também, o Boston Celtics também. Eu respeito os times que dominaram sua épocas e nós dominamos a nossa."

Outro assunto que gerou polêmica na entrevista foram os comentários de Green sobre o ex-jogador Charles Barkley. O jogador afirmou que vem sendo perseguido por Barkley, que hoje é comentarista de basquete nos Estados Unidos, desde que começou a ganhar destaque e destacou que o ex-jogador tem inveja dos feitos que já alcançou em sua carreira.

"Charles Barkley tem essa implicância comigo desde que eu comecei a me destacar. Ele sempre me criticava e, por um tempo, eu simplesmente não respondia. É inveja. Inveja que alguém do mesmo tamanho que ele tenha entrado na liga e feito o sucesso que fiz, ganhado os títulos e o dinheiro que eu ganhei. São coisas que Charles Barkley não conseguiu".

O ala dos Warriors também questionou a forma como Barkley critica os jogadores nas coberturas de basquete na TV americana. Segundo Green, Barkley não é um grande conhecedor de basquete e ao invés de fazer críticas construtivas, prefere ficar apenas disparando contra todos.

"Acho que sabemos e não é mistério que Charles Barkley não estuda basquete. Ele só chega e sai falando. Não tenho nenhum problema com alguém que critica meu jogo, mas ele gosta de disparar contra todos. Acho que há um jeito de você fazer críticas e não ficar apenas falando besteira sobre os outros. Nós já lidamos com muitas coisas por parte da imprensa".

Para encerrar a discussão sobre Barkley, Green deixou um recado ao ex-jogador:

"Sou apenas um rapaz negro que veio depois de você (Barkley). Você essencialmente pavimentou o caminho. Tenho muito respeito por você como jogador. Mas como um hater, não tenho o menor respeito por isso".