<
>

JJ Redick reclama de 'nova geração' de jogadores da NBA: 'Mais preocupados com a roupa para o Instagram do que em vencer ou perder'

O ala-armador JJ Redick, atualmente no New Orleans Pelicans, é um dos melhores arremessadores de todos os tempos na NBA e também dono de um podcast semanal aonde discute basquete com diversos convidados. No desta semana, o assunto foi "Mentores, cultura do cancelamento e responsabilidade social".

Ao discutir "porque muitos jogadores atuais não desenvolvem um arremesso" e falar de seus mentores, principalmente Rashard Lewis, Redick disse que não vê a nova geração de jogadores tão interessada no jogo quanto nas mídias sociais e que isso é preocupante.

"Eu aprendi vendo Rashard Lewis. Não interessa o quanto ele arremessava em uma partida, seja 1 de 10 ou 9 de 10, ele nunca mudava sua maneira e sempre queria mais. Mas atualmente tem muita coisa acontecendo, muita gente falando no seu ouvido", disse.

"Talvez eles não tenham tempo (para treinar), né? Tem o Fortnite para jogar, eles tem que se preocupar com a roupa pré-jogo para aparecer no Instagram. Isso, pra mim, é preocupante. Existem mais caras preocupados com a roupa que irá virar foto no Instagram do que com vencer ou perder uma partida de basquete. É muito preocupante", continuou.

JJ, porém, elogiou dois jogadores em específico com quem trabalhou nas últimas duas temporadas.

"Eu acredito que é possível ensinar alguém como arremessar, então acho que mais jovens deveriam vir pedir minha ajuda. Nós temos um calouro, Nickeil Alexander-Walker, que eu amo. Ele basicamente faz tudo que eu faço e isso é espetacular. Às vezes eu quero fazer algo sozinho, fora do horário de treino e ele me pergunta se pode ir junto, eu amo isso. Ele entra e sai do time titular, mas ele vai ser um excelente jogador. Landry Shamet era a mesma coisa", finalizou.