<
>

Depois de dizer que chegou ao 'fundo do poço' na NBA, Jeremy Lin assina com time da China

O armador Jeremy Lin, campeão da NBA em 2019 com o Toronto Raptors, assinou com o Beijing Shougang Ducks para jogar no basquete da China na próxima temporada.

Em nota oficial, o time disse que trabalha para finalizar o contrato e liberar o jogador para atuar. Em seu Instagram, Lin disse ser "um privilégio representar os asiáticos' na NBA.

Aos 31 anos de idade, ele deixa o basquete dos EUA depois de nove temporadas. Lin 'explodiu' em 2012 quando, com o New York Knicks, protagonizou a febre do 'Linsanity'.

Os rumores de que Lin iria para a China existiam há algumas semanas, desde que ele não encontrou um novo destino na NBA e, em entrevista, abriu o jogo dizendo ter chegado ao "fundo do poço".

"Em inglês, há um ditado que diz que quando você chega ao fundo do poço, só pode subir", disse ele para uma TV do Taiwan, em julho.

Ver essa foto no Instagram

All I can say is THANK YOU to the NBA, my family, inner circle, every fan who came to watch or rooted for me during these last 9 years! To challenge stereotypes, make history, rep Asians at the NBA level and pave the path as others have done for me has been an absolute privilege. Im overwhelmed with gratitude for each person who has been with me each step of the way. ⁣ Equally excited for this next step with the Beijing Ducks! I always knew my path would go through the CBA solely bc I knew how much of an honor it would be to hoop in front of all my Chinese fans. Im here now and there is more history to be made! Also congrats to @joe_linstagram on a contract extension fresh off a championship with the @fubon_braves ... you're a beast and to be able to sign our contracts on the same day is something Ill forever cherish. Love you lil bro! #linstanation #farfromdone #glorytoGod

Uma publicação compartilhada por Jeremy Lin 林書豪 (@jlin7) em

"Mas o fundo do poço só se torna mais fundo para mim. Acho que, de alguma forma, a NBA desistiu de mim."

Os Ducks são uma grande força do basquete chines, com três títulos vencidos sob o comando de Stephon Marbury, ex-jogador e All-Star da NBA.

Depois do anúncio, que empolgou os fãs dos Ducks, Lin escreveu em rede social: 'Pequim, aqui vou eu".