<
>

NBA: Nike 'contra-ataca' Kawhi Leonard e entra com processo contra o jogador

Atual MVP das Finais da NBA, campeão pelo Toronto Raptors e recém contratado pelo LA Clippers, Kawhi Leonard não sai dos holofotes. Agora, porém, é por uma questão judicial.

Em 3 de junho, o ala entrou com um processo contra a Nike por conta do uso indevido de seu logo, batizado de "The Klaw", ou, "A Garra".

No começo deste ano, a empresa entrou com um pedido de patenteação do símbolo, sem o consentimento de Kawhi e alegando que o logo foi criado pela própria Nike.

Segundo as alegações de Leonard e seus advogados, o símbolo foi criado pelo jogador ainda em 2011 e "emprestado" à fornecedora de materiais esportivos anos depois. Portanto, a Nike não teria direito de patenteá-lo.

Nesta quinta-feira (18) a fornecedora contra-atacou o jogador e entrou com um processo contra Kawhi, acusando o MVP das Finais de violar o contrato entre as partes.

Segundo a Nike, Kawhi assinou um contrato em 2011 e este se encerrou em setembro do ano passado. Durante a parceria, o ala cedeu designs para que a empresa usasse em suas roupas e propagandas.

A Nike alega que todos os designs utilizados durante a parceria eram de propriedade da empresa, inclusive "The Klaw", que teria sido finalizado pela equipe da Nike, e que Kawhi os utilizou de maneira indevida após o encerramento do contrato.

Atualmente, Kawhi Leonard é patrocinado e utiliza materiais esportivos da New Balance.