Como política vai fazer país de 79 milhões de habitantes ficar sem TV para Warriors x Blazers

ESPN.com.brLeitura: 2 min.

O comentarista do canal de televisão turco S Sport afirmou que a emissora não transmitirá a final da Conferência Oeste da NBA.

Nesta terça-feira (14), o Golden State Warriors recebe o Portland Trail Blazers para o primeiro jogo da série. A partida, porém, não será transmitida na Turquia, que possui cerca de 79,8 milhões de habitantes.

"Eu posso dizer com convicção que não transmitiremos a série entre Warriors e Blazers", afirmou o comentarista Omer Sarac da S Sport para a agência Reuters.

"Além disso, se Portland chegar a final, não teremos transmissão também... Essa situação não tem relação com a gente, mas será assim."

McCollum, Harkless e Kanter depois de jogo dos Blazers nos playoffsGetty

A questão envolve o pivô do Portland, Enes Kanter, que se tornou em um crítico do governo de Recep Tayyip Erdogan.

O problema remonta a 2017, quando o governo cancelou o seu visto, e o pivô se referiu a Erdogan como o "Hitler desse século."

Kanter tem um Green Card nos Estados Unidos, mas por conta de seus problemas com segurança e passaporte, o turco não viajou para uma partida em Londres em janeiro deste ano.

No início de maio, a NBA demitiu um vendedor local que comandava uma conta turca da NBA no Twitter. Após comentar o segundo jogo entre Portland e Denver Nuggets, o vendedor não falou sobre a atuação de Kanter na semifinal de Conferência.

Depois do episódio, o vice-comissário da NBA, Mark Tatum afirmou que "os torcedores na Turquia poderiam assistir a todos os jogos de playoffs que contassem com Enes Kanter e Portland Trail Blazer no NBA League Pass e NBA TV Internacional."

Leve a ESPN com você para todo lugar

Baixe o App N.1 de esportes