<
>

NBA: Harden abre mão de R$ 191 milhões e deve diminuir salário para ajudar 76ers a se reforçarem

Armador rejeitou opção de renovação de US$ 47 milhões que tinha com os 76ers


A estrela do Philadelphia 76ers James Harden recusou sua opção de US$ 47,3 milhões (R$ 245 milhões) e se tornou um agente livre, disseram fontes a Adrian Wojnarowski, da ESPN, na quarta-feira.

Harden mantém real a possibilidade de negociar um novo acordo que proporcionaria flexibilidade de construção de elenco dos Sixers no mercado - incluindo o uso da mid-level exceptin de US$ 10,5 milhões (R$ 54 milhões).

Nas conversas de Harden com a equipe desde o final da temporada, ele compartilhou amplamente seu desejo de ajudar a organização a reformular o elenco para a disputa do título, disseram fontes a Wojnarowski.

A ação de Harden pode ajudar bastante na reformulação do banco dos Sixers.

Harden, de 32 anos, teve uma média de 22 pontos e 10,3 assistências em 65 jogos com o Brooklyn Nets e o Philadelphia na temporada passada, depois de ser enviado do Brooklyn para a Filadélfia como parte da troca que enviou Ben Simmons na outra direção.

Sua chegada, no entanto, não mudou as coisas para a Filadélfia nos playoffs, já que os 76ers perderam na segunda rodada pela quarta vez em cinco anos e não conseguiram mais uma vez chegar pelo menos às finais da Conferência Leste.

Harden passou apenas um ano no Brooklyn, depois de sua carreira de oito anos de grande sucesso em Houston terminar logo no início da campanha 2020-21, quando ele foi enviado para os Nets para uma série de futuros recursos de draft para emparelhar com Kevin Durant e Kyrie Irving.

Em vez disso, a corrida dos playoffs na primeira temporada do trio - que poderia ser facilmente atribuída a uma torção no tornozelo de Irving e uma lesão no tendão que Harden lutou - terminou em uma derrota na segunda rodada para o eventual campeão Milwaukee Bucks.

Então, na temporada passada, o relacionamento de Harden com os Nets se deteriorou após a incapacidade de Irving de jogar devido ao mandato da vacina COVID-19 da cidade de Nova York. Harden acabou sendo enviado para a Filadélfia, onde se reuniu com seu presidente de operações de basquete em Houston, Daryl Morey.