<
>

Moto GP: Jack Miller desbanca favoritos e vence em Jerez com direito a 'dobradinha' da Ducati

Festa da Ducati neste domingo (2) na Espanha na Moto GP. A escuderia conseguiu uma 'dobradinha' nas duas primeiras colocações graças ao triunfo de Jack Miller, conseguiu sua segunda vitória em toda a história, a última havia sido ainda em 2016. É a primeira dobradinha da Ducati desde do GP da República Checa em 2018.

Fabio Bagnaia ficou com o segundo lugar, que caiu como uma luva para o italiano, uma vez que agora o piloto é o líder da classificação geral da temporada 2021 com 66 pontos, dois pontos a mais do que Fabio Quartararo (64) e de Viñales (50).

Franco Morbidelli ficou com a terceira colocação mesmo com uma moto de 2019, à frente de Valentino Rossi (17°) que estava com a moto principal da escuderia. Um dos favoritos para ficar com a vitória, Quartararo fechou apenas na 13ª posição após ter liderado a corrida e chorou ainda na pista ao término.

Fabio Di Giannantonio larga na pole, segura a pressão e vence na Espanha pela Moto 2

Não houve concorrência para Fabio Di Giannantonio neste domingo, pela Moto 2, na Espanha. O italiano liderou de ponta a ponta, deixou para trás nomes como Sam Lowes e Marco Bezzecchi para ficar com a vitória na quarta etapa da temporada 2021.

Logo após a chegada aos boxes, a festa da equipe Gresini foi total ao lado do piloto, que fez uma corrida impecável. Líder da etapa de ponta a ponta, o italiano sequer foi ameaçado durante toda a prova, com uma luta insana pela segunda colocação, mas um domínio predominante do italiano.

A vitória de Fabio Di Giannantonio deixa o campeonato um pouco mais embolado e emocionante para as próximas provas. O australiano Remy Gardner segue na ponta com 69 pontos, três a mais do que Sam Lowes (66), que também tem três à frente de Raul Fernandez (63).

Pedro Acosta vence na Moto 3 e faz história ao quebrar recorde na motovelocidade

A temporada 2021 segue sendo marcada por uma exibição de gala do garoto Pedro Acosta. Neste domingo, em casa, no GP da Espanha, o piloto conseguiu a terceira vitória consecutiva na Moto 3 e segue na liderança isolada da competição.

Esta é a primeira vez na história que um piloto chega ao pódio nas primeiras quatro corridas como motociclista profissional. Acosta ficou na segunda colocação no Catar e venceu os outros três compromissos na temporada.

A prova vencida pelo garoto espanhol ficou marcada por uma queda tripla nas curvas finais por uma queda tripla envolvendo Deniz Oncu, Jaume Masia e Darryn Blinder, que terminaram a prova nas últimas colocações.

O piloto da KTM lidera a competição com 95 pontos, bem à frente do que os concorrentes Niccolo Antonelli (44), Andrea Migno (42) e Romano Ferrati (40).