<
>

Moreno discorda da pontuação dos juízes na derrota para Deiveson: 'Sinto que venci'

play
UFC 270: Deiveson Figueiredo leva a melhor em 'bombardeio' contra Moreno, vence trilogia e recupera cinturão (0:48)

Neste sábado, no UFC 270, o brasileiro levou a melhor em uma luta espetacular pelo título da divisão na trilogia contra o mexicano Brandon Moreno. Deiveson venceu por decisão unânime após 5 duros rounds. (0:48)

Mexicano acredita que tenha vencido o rival em luta realizada no último sábado, no UFC 270


A derrota para Deiveson Figueiredo, por pontos, no co-main event do UFC 270, realizado no último sábado (22), em Anaheim (EUA), não foi bem digerida por Brandon Moreno. O mexicano, que com o resultado perdeu o cinturão peso-mosca da liga, deixou o octógono com o sentimento de que teria sido injustiçado pelas papeletas dos juízes.

Na entrevista coletiva pós-show, Moreno admitiu que se frustrou com a decisão dos juízes favorável ao brasileiro, já que considera que fez o suficiente para sair com a vitória.

O mexicano ainda ressaltou que essa foi a primeira vez em sua carreira em que se sentiu injustiçado pela pontuação dos jurados. Apesar disso, o agora ex-campeão reconheceu que o rival teve bons momentos na disputa e prometeu dar a volta por cima.

“É estranho. É um sentimento estranho porque é a primeira vez na minha vida onde eu perdi uma decisão, mas eu sinto que ganhei. Eu me lembro minhas últimas duas derrotas, contra (Alexandre) Pantoja e (Sergio) Pettis, e eu sabia naquele momento que eu tinha perdido. Eu estava tipo: ‘Ok, isso é uma m***, mas eu sei que perdi’. Mas dessa vez, eu sinto que venci”, comentou Moreno, antes de continuar.

“Mas é o que há, porque foi uma luta muito dura. Ele teve seus momentos também. E eu preciso reconhecer isso. Eu não quero ser aquele cara que dá desculpas. Deiveson fez um trabalho incrível e um plano de jogo melhor. Eu só quero voltar para a academia, passar tempo com minha família, assistir a luta novamente e voltar mais forte”, concluiu.

Na noite do último sábado, pelo co-main event do UFC 270, Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno subiram no octógono para disputar o terceiro capítulo da trilogia entre eles.

Após um empate no primeiro combate e uma vitória do mexicano na revanche, desta vez foi o brasileiro quem levou a melhor, na decisão unânime dos juízes. Com o resultado, o ‘Deus da Guerra’ recuperou o cinturão peso-mosca do Ultimate após perdê-lo para o lutador latino em junho do ano passado.