<
>

UFC: Usman nega ter ficado surpreso com a vitória de Ngannou sobre Gane

play
UFC 270: Ngannou vence Gane na luta agarrada, mantém cinturão e segue à espera de Jon Jones (0:43)

O camaronês segue como campeão da categoria e dá ao rival francês a sua primeira derrota em 11 combates no MMA profissional. (0:43)

Kamaru Usman, que acompanhou a disputa de perto no córner do amigo, exaltou a evolução de Ngannou no UFC


Conhecido como o atletas com maior potência de golpes do Ultimate, Francis Ngannou surpreendeu o mundo no último sábado (22). O camaronês adotou uma nova tática, explorando a luta agarrada, para superar Ciryl Gane por decisão unânime dos jurados e unificar o cinturão dos pesos-pesados da organização, no duelo principal do UFC 270, realizado em Anaheim (EUA). Kamaru Usman, que acompanhou de perto a disputa no córner do amigo, negou estar surpreso com a apresentação do atleta.

O atual campeão dos meio-médios (77 kg) do UFC, que tem como carro-chefe o seu jogo o grappling, tem feito parte do time de Ngannou em suas últimas apresentações. Por isso, o nigeriano não deixou de exaltar a performance do peso-pesado. Em entrevista ao ‘BT Sport’, o africano elogiou a mentalidade do camaronês e destacou a sua evolução.

“Francis é um daqueles atletas especiais que aceita tudo como vem. Ele seria capaz de lidar com qualquer situação que viesse para ele. Você viu como ele não se envolveu com o jogo do Gane no início? Estamos vendo agora a evolução do peso-pesado. Reparou naquela raspagem no quinto round? Nem eu faço isso. Então estamos vendo a evolução no jogo do Francis e ele é um homem assustador”, afirmou Usman, antes de frisar que essa mudança é um recado para os adversários do campeão dos pesados.

“Quando você se torna o campeão, todo mundo mira em você. Então, ser capaz de defender esse cinturão realmente representa a marca de um campeão”, concluiu.

Francis Ngannou estreou no UFC em 2015 e, pela maior liga de MMA do mundo, soma 12 triunfos, sendo dez por nocaute, e dois reveses. Em março de 2021, o camaronês chegou ao lugar mais alto do peso-pesado do Ultimate, quando nocauteou o então campeão Stipe Miocic. Além de superar o americano e agora Gane, seus triunfos mais marcantes da companhia, foram sobre Cain Velásquez, Junior ‘Cigano’ e Alistair Overeem.