<
>

Ex-campeão do UFC, 'Rampage' Jackson projeta mudança para o boxe e indica possível adversário

‘Rampage’ Jackson avalia abandonar a carreira no MMA para se aventurar no boxe


Parece que a carreira de Quinton ‘Rampage’ Jackson no MMA realmente chegou ao fim. Sem atuar na modalidade desde dezembro de 2019, quando foi nocauteado por Fedor Emelianenko, no Bellator, o ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) do UFC está de olho em novos desafios e o boxe surge como uma possibilidade real para sua sequência nas artes marciais.

Durante a coletiva do ‘Triller Triad Combat’, realizada na última segunda-feira (22), o americano admitiu que não tem a empolgação de outrora para seguir no MMA e, por isso, decidiu abrir a cabeça para novas oportunidades para manter sua motivação em alta. Com um duelo na nobre arte em mente, ‘Rampage’, inclusive, até apontou contra quem gostaria de estrear na modalidade: Shannon Briggs, ex-campeão de boxe.

“Isso é uma coisa que as pessoas não entendem sobre mim. Luto MMA há muito tempo e luto contra os melhores do esporte. Eu ganho um pouco e perco um pouco, mas aquela emoção não está mais lá no MMA como quando eu comecei”, disse o atleta, emendando.

“Eu entrando em um ringue de boxe com alguém do calibre de Shannon, terei essa pressa. No camp vou ter essa pressa. Se eu não entender direito, posso ser nocauteado – e é disso que preciso. Foi isso que me deu tanto sucesso no MMA e perdi isso ao longo dos anos lutando com todo mundo”, completou Jackson.

A ideia de Rampage é enfrentar Shannon em evento organizado pela Triller, seja em duelo com regras de boxe profissional ou no Triad Combat, novo estilo de luta que incorpora regras do boxe e do MMA lançado pela entidade.

“Acho que Shannon seria uma luta de boxe muito difícil. Para ser honesto, não imaginei lutar com ele no Triad Combat, em algo assim. Eu imaginei minha primeira luta de boxe em um ringue de boxe com luvas de boxe. Mas estou preparado para qualquer desafio que surgir no meu caminho”, concluiu o americano.

No MMA profissional desde 1999, ‘Rampage’ Jackson, de 43 anos, marcou época no esporte por conta de seu estilo de luta empolgante e personalidade forte. Neste período, o americano construiu um cartel composto por 38 vitórias, sendo 20 por nocaute, e 14 derrotas. O veterano se tornou campeão dos meio-pesados do UFC em 2007.