<
>

Johnny Walker rebate críticas por atuação contra 'Marreta' e dispara: 'Não entendem de luta'

play
UFC: Borrachinha faz 'guerra' de 5 rounds contra Vettori, mas é derrotado; VEJA como foi (1:34)

Até o fim do domingo (24) tem Star+ Acesso Livre!. Esporte AO VIVO, séries e filmes. Clique aqui e aproveite de graça toda a programação. (1:34)

Quase um mês depois de medir forças com Thiago ‘Marreta’, e sair derrotado, no UFC Vegas 38, Johnny Walker segue incomodado com as críticas recebidas pela atuação de ambos no combate. Em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, o meio-pesado (93 kg) defendeu o espetáculo promovido por ele e pelo rival no octógono e disparou contra os críticos.

Para Walker, a disputa contra ‘Marreta’ pode ter dado a impressão de ter sido monótona para os olhos destreinados dos fãs ‘comuns’, mas foi extremamente técnica e tática para quem possui conhecimento profundo nas artes marciais.

Na visão do meio-pesado, isso se deve ao fato do confronto ter colocado frente a frente dois lutadores com grande poder de nocaute, no mais alto nível do MMA mundial, o que justifica a maior cautela empregada por ambos em suas estratégias.

“Você sabe que nesse nível, no maior evento do mundo, contra um dos melhores strikers do mundo, você tem que saber como entrar e sair, como bater e defender, o tempo certo, a estratégia certa. Existem muitas coisas envolvidas. As pessoas falando que foi (uma luta) chata são as que sentam no sofá para beber cerveja e assistir as lutas como entretenimento. Esse é o tipo de pessoa que compra os pay-per-views, mas não é o tipo (de pessoa) que entende de luta. Eu não presto atenção nisso (críticas)”, disparou Johnny, antes de completar.

play
1:34

“Eu tinha um plano de jogo para o jeito que ele luta em todas as lutas dele. Ele sempre ataca e corre riscos, mas, dessa vez, ele não fez isso. Ele não correu riscos, e eu estava planejando contra-atacar, para pegá-lo quando ele entrasse, mas ele não estava andando tanto para frente e eu não o deixava entrar porque eu estava fintando muito. Então, foi uma luta muito técnica, de alto nível. Nós dois nos estudamos bastante, já que qualquer um poderia cair com um bom soco”, concluiu.

Alvo de muitas críticas pela falta de ação durante os cinco rounds da disputa, o duelo entre Thiago ‘Marreta’ e Johnny Walker, válido pelo main event do UFC Vegas 38, terminou com a vitória do primeiro, na decisão unânime dos juízes.

Com o resultado, Walker soma agora três derrotas em suas últimas quatro apresentações pelo Ultimate, após ter iniciado sua trajetória na liga com três triunfos contundentes, todos por nocaute.