<
>

UFC: Marvin Vettori se diz superior a 'Borrachinha' e afirma que quer nocautear o brasileiro

Marvin Vettori acredita que vai vencer o brasileiro Paulo ''Borrachinha'' por nocaute na luta principal do UFC Vegas 41 neste sábado (23)


A luta principal do UFC Vegas 41 é de extrema importância para o peso-médio (84 kg) e coloca frente a frente atletas rivais. Neste sábado (23), em Las Vegas (EUA), Marvin Vettori e Paulo ‘Borrachinha’ se enfrentam em um clássico duelo de estilos e de olho em uma nova oportunidade de disputar o título da divisão. Mesmo derrotado pela segunda vez diante de Israel Adesanya, campeão da categoria, ‘The Italian Dream’ permanece confiante em suas habilidades.

Em entrevista ao site ‘MMA Junkie’, Vettori iniciou o ‘trash talk’ para a aguardada luta contra ‘Borrachinha’. No passado, o italiano desafiou o atual adversário de forma vocal e, com isso, a dupla trocou provocações. É bem verdade que, desde então, a rivalidade entre os profissionais diminuiu, mas, ao que parece, retornou com tudo. De acordo com o empresário Ali Abdelaziz, seu atleta está imparável nos treinos e aposta que o mesmo vai dominar o brasileiro. Sendo assim, ‘The Italian Dream’ frisou que seu objetivo é convencer no octógono.

Tanto que Vettori, conhecido no esporte por sua qualidade no grappling, já que costuma quedar e controlar os adversários no solo, surpreendeu ao revelar que reúne as ferramentas necessárias para nocautear ‘Borrachinha’. Vale destacar que, ao contrário do italiano, o mineiro é temido por sua qualidade em pé e, principalmente, pelo poder de seus golpes. Tanto que Adesanya foi o único atleta que derrotou o brasileiro no MMA, por nocaute. Como é treinado por Rafael Cordeiro, na ‘Kings MMA’, ‘The Italian Dream’ apontou que a trocação do rival é superestimada e afirmou ser superior ao mesmo neste departamento.

“Estivemos bem quietos durante a preparação, mas veremos como vai a semana da luta. Eu não gosto do cara necessariamente. Ele não é um cara com quem eu me daria bem como amigo. Ele falou muita m**** antes, mas, pessoalmente, não o conheço. Ele nunca fez nada pessoal para mim. Com isso dito, não preciso de nada pessoal para bater em alguém até ficar inconsciente. Não preciso de nada pessoal, especialmente, para lidar com um problema no octógono. Vejo como todos os meus oponentes tivessem uma parte do que quero”, declarou Vettori, antes de completar.

“Quem quer que eu enfrente, está tentando me impedir de conseguir o que quero, então não preciso ficar bravo para apenas detonar a cara de alguém. Ele é bom em algumas áreas da trocação. Ele, definitivamente, tem poder e pode nocautear, mas sinto que, no geral, como lutador de MMA, sou superior. Mesmo como striker, sou superior. Vou dar aos fãs o que eles querem. Quero nocautear esse cara, em alto e bom som. Minha mente está pronta, meu corpo está pronto e meu espírito está pronto. Estou pronto para lutar”, concluiu.

Apesar da juventude, Marvin Vettori, de 27 anos, já se transformou em um dos melhores lutadores do peso-médio do UFC e disputou o título da categoria. Atualmente, o italiano se encontra em quinto no ranking da divisão. Em sua carreira no MMA, iniciada em 2012, o atleta, pupilo de Rafael Cordeiro, venceu 17 lutas, perdeu cinco e empatou uma vez. Seus principais triunfos foram diante de Jack Hermansson e Kevin Holland.