<
>

UFC: St-Pierre não pipoca e elege o momento mais especial de sua carreira; veja qual

Ex-campeão do UFC, Georges St-Pierre revelou os grandes momentos da carreira


Durante mais de dez anos, Georges St-Pierre foi um dos grandes nomes do Ultimate. O canadense, que ainda detém o recorde de defesas de cinturão dos meio-médios, com nove, reinou na categoria e fez combates históricos. Mas, de acordo com o ex-lutador do Ultimate, ele tem uma luta em especial que guarda com carinho em sua memória.

Em entrevista à ‘BT Sport’, ‘GSP’ elegeu a revanche diante de Matt Serra, no UFC 83, como a luta que mais gosta em sua carreira. O confronto aconteceu em dezembro de 2007 e o canadense reencontraria seu último algoz, que lhe tomou o cinturão da divisão naquele mesmo ano. St-Pierre destacou a importância que aquele embate teve na história do MMA e, principalmente para ele, pois lutou em frente à sua torcida.

“São tantas (memórias), mas a número um é quando venci o Matt Serra em Montreal porque foi em uma época em que o esporte não era muito aceito pela mídia e, a partir daquela noite, tudo mudou. E foi uma grande oportunidade para mim me apresentar para toda a minha família e amigos”, revelou o canadense de 40 anos.

Georges St-Pierre é dono de uma das carreiras de maior sucesso na história do MMA. Em sua trajetória no esporte, o canadense disputou 28 lutas, venceu 26, perdeu duas e conquistou o cinturão dos meio-médios do UFC e também do peso-médio. A última aparição de ‘GSP’ no octógono aconteceu em 2017 e seus principais triunfos foram diante de BJ Penn (duas vezes), Carlos Condit, Jake Shields, Johny Hendricks, Jon Fitch, Josh Koscheck (duas vezes), Matt Hughes (duas vezes), Michael Bisping e Nick Diaz.