<
>

UFC: Anthony Smith explica desafio feito a Rakic: 'Eu quero o seu lugar'

play
UFC: Anthony Smith vence Ryan Spann com guilhotina linda, sai provocando e quase causa 'treta'; VEJA (0:45)

Anthony Smith venceu o evento principal e quase causou confusão após a vitória (0:45)

Anthony Smith reforçou seu bom momento no Ultimate e, no último sábado (18), conseguiu sua terceira vitória seguida, ao finalizar Ryan Spann, na luta principal do UFC Vegas 37. Logo após seu triunfo, o americano, ainda no octógono, decidiu desafiar Aleksandar Rakic e, ao que tudo indica, o confronto vai sair do papel.

Assim que escutou seu nome ser mencionado pelo americano, Rakic, através de suas redes sociais, se colocou aberto para fazer essa revanche. Vale destacar que os dois se enfrentaram em agosto de 2020, com vitória do austríaco. Este, inclusive, foi o último revés de Smith no Ultimate.

Em coletiva de imprensa do UFC Vegas 37, Anthony Smith explicou o motivo de fazer o desafio para seu último algoz. O americano descartou qualquer sentimento de revanche e colocou o ranking como sua prioridade para buscar esse combate.

“Era isso que eu queria e pedi. Essa é a luta de que estou falando. Não é nada pessoal. Eu e Rakic ​​não tivemos nada além de trocas positivas um com o outro antes e depois da luta. É puramente competitivo. Eu quero seu lugar. Ele pegou o meu, eu quero pegar de volta”, disse Smith, que atualmente ocupa o sexto lugar do ranking e Rakic é o terceiro.

No MMA profissional desde 2008, Anthony Smith acumula 36 vitórias e 16 derrotas na carreira. O atleta de 32 anos disputou o cinturão dos meio-pesados em março de 2019, quando saiu derrotado pelo então campeão Jon Jones. O americano está em uma série positiva de três lutas pelo Ultimate, após superar Devin Clark, Jimmy Crute e Ryan Spann.