<
>

Jorge Masvidal aponta favoritismo de Nick Diaz sobre Robbie Lawler no UFC 266

Uma das principais atrações do UFC 266, que acontece no próximo dia 25 de setembro, o duelo entre Nick Diaz e Robbie Lawler colocará frente a frente dois veteranos com extenso currículo e popularidade dentro da comunidade do MMA. Ainda que ambos atletas já não estejam no auge de suas carreiras, o confronto entre eles é visto com enorme expectativa por parte dos fãs e atraiu a atenção também de uma das principais estrelas do plantel atual do Ultimate: Jorge Masvidal.

Em uma sessão de perguntas e respostas no seu canal do ‘Youtube’, Masvidal analisou o combate entre Diaz e Lawler e, apesar de relutar, deu seu palpite sobre o resultado final desta peleja. Ciente de que ambos lutadores chegam para a disputa cercados de dúvidas a serem respondidas sobre seus desempenhos, ‘Gamebred’ apontou Nick como o favorito para vencer o combate.

“Eu estou muito interessado nesse resultado, sem dúvida. Eu amo Robbie Lawler. Nós fomos companheiros de time por cerca de quatro anos. Ele é um dos melhores caras no esporte – apenas um homem correto, ótimo cara, excelente lutador. Eu não acho que ele é o mesmo lutador de quatro anos atrás. Eu não vi Nick Diaz lutar em oito anos, então essa luta é tipo – eu não sei o que vai acontecer”, analisou Masvidal, antes de continuar.

“Eu não vi Nick lutar (nos últimos anos). Eu não sei se ele estava se mantendo na melhor forma ou não durante esses oito anos. Não que a falta de ritmo seja tudo, mas oito anos é muito tempo para estar sentado no banco. Robbie não parece o mesmo, ele não parece mais estar no melhor em suas lutas – essa é difícil de prever para mim. Mas se eu fosse colocar dinheiro nisso, eu provavelmente me inclinaria para Nick”, concluiu.

Vale lembrar que Nick Diaz não atua desde janeiro de 2015, quando enfrentou o brasileiro Anderson Silva, em confronto que terminou originalmente com a vitória do brasileiro e, posteriormente, foi alterado para ‘no contest’ (sem resultado), após ambos serem flagrados no exame antidoping. A última vitória do ‘bad boy’ foi conquistada sobre BJ Penn, em outubro de 2011, há quase uma década.

Por sua vez, Robbie Lawler vive momento delicado na carreira, tendo perdido suas últimas quatro lutas pelo UFC. O ex-campeão dos meio-médios (77 kg) não vence desde 2017, quando superou Donald ‘Cowboy’ Cerrone, na sua primeira apresentação após perder o título da categoria, para Tyron Woodley, no ano anterior. Um novo revés, desta vez para Diaz, pode significar o fim da trajetória do veterano de 39 anos no Ultimate ou, até mesmo, a sua aposentadoria.