<
>

Boxe: Anderson Silva agradece apoio e manda recado a fãs: 'Nunca deixem de acreditar'

play
Anderson Silva supera ex-campeão Julio César Chávez Jr. na volta ao boxe e faz história; veja como foi (1:32)

Mesmo aos 46 anos, "Spider" mostrou que ainda pode competir e ser responsável pelo entretenimento no mundo das lutas. (1:32)

No último sábado (19), Anderson Silva deu mais uma prova de sua genialidade nos esportes de combate, dessa vez, no boxe. A lenda do MMA foi até o México lutar contra Julio Cesar Chavez Jr., ex-campeão mundial da modalidade, na casa do adversário, e não só triunfou, como também provocou o rival em cima do ringue. Revigorado por voltar a vencer, aos 46 anos, ‘Spider’ fez questão de agradecer o apoio que recebeu dos fãs.

Em suas redes sociais, Anderson retribuiu o carinho de seus seguidores e postou uma bonita mensagem motivacional em tempos difíceis. Apesar de ser uma lenda das artes marciais mistas, o ex-campeão do peso-médio (84 kg) do UFC estava desacreditado por parte da comunidade do MMA, pois havia perdido três lutas seguidas e vencido apenas uma no período entre 2013 e 2020. Contudo, o retrospecto não abalou o brasileiro.

‘Spider’ ignorou a idade avançada para praticar esportes de combate, a saída do UFC e o fato de ser considerado azarão pelas casas de apostas para o duelo contra Julio Cesar Chavez Jr., no boxe. Motivado pelo sonho de voltar a atuar nos ringues, o veterano seguiu treinando de forma intensa e foi premiado com a surpreendente vitória. De acordo com Anderson, o que aconteceu com ele é a prova de que todo momento ruim é passageiro e que todo esforço vale a pena para realizar os objetivos.

“Sou grato por todas as oportunidades que a vida me deu, todas as dificuldades que já passei. Nunca deixei de acreditar no meu potencial, sempre me dediquei ao máximo, superando todos os obstáculos, nunca me deixando abater por absolutamente nada. Sou imensamente grato a todos que fizeram parte da minha caminhada, aos que torceram a favor do meu sucesso e até mesmo os que jogaram contra, pois cada um deles foi peça fundamental para que eu pudesse chegar até aqui”, escreveu Anderson, antes de completar.

play
1:32

Anderson Silva supera ex-campeão Julio César Chávez Jr. na volta ao boxe e faz história; veja como foi

Mesmo aos 46 anos, "Spider" mostrou que ainda pode competir e ser responsável pelo entretenimento no mundo das lutas.

“Enfim, meu povo, essa mensagem é para vocês, meus seguidores: não deixem de acreditar. Faça o melhor com o que tem no momento, se doe 100% em tudo que fizer, com o coração e com amor. Ninguém além de vocês pode ditar as regras da sua jornada! Beijo, meu povo! O sucesso é a consequência de muito trabalho, muito amor e dedicação!”, concluiu.

Anderson Silva, de 46 anos, é um dos lutadores mais celebrados dos esportes de combate. Em seu auge no MMA, o brasileiro marcou época no UFC. ‘Spider’ conquistou o título do peso-médio logo após sua estreia na companhia e o defendeu dez vezes. Não à toa, o veterano é considerado por parte da comunidade das artes marciais mistas o maior nome da história da modalidade. Seus principais trunfos foram diante de Chael Sonnen (duas vezes), Dan Henderson, Demian Maia, Forrest Griffin, Rich Franklin (duas vezes) e Vitor Belfort.