<
>

Boxe: luta entre Vitor Belfort e Mike Holston é adiada para 14 de agosto

play
Demian não acha ruim boxe com youtubers, mas sugere luta de jiu-jitsu (1:46)

Brasileiro do UFC falou em entrevista exclusiva ao ESPN.com.br (1:46)

Os fãs de Vitor Belfort que aguardam pela reestreia do ex-campeão do UFC no boxe terão que esperar mais um pouco. De acordo com o site ‘The Athletic’, o ‘Triller Fight Club’ – evento no qual o veterano está escalado para enfrentar o youtuber Mike Holston, mais conhecido como ‘Tarzann’ – precisou ser adiado.

O motivo, de acordo com o ‘The Athletic’, foi o teste positivo para COVID-19 do pugilista Teófimo López, atual campeão mundial peso-leve, que lideraria o card do show ao lado do australiano George Kambosos, em disputa com quatro títulos mundiais em jogo. Com isso, o evento – incluindo a luta entre Belfort e ‘Tarzann’ -, que aconteceria neste sábado (19), na cidade de Miami, na Flórida (EUA), foi remarcado para o dia 14 de agosto.

Vitor Belfort fez história no MMA. Na modalidade de 1996 até 2018, o ‘Fenômeno’ possui um cartel de 26 vitórias, 14 derrotas e um ‘No Contest’ (luta sem resultado) em seu currículo. O lutador chegou a ser campeão do torneio do peso-pesado do Ultimate e também faturou o cinturão dos meio-pesados (93 kg) da liga.

O veterano não compete desde 2018, quando foi derrotado por Lyoto Machida em seu último combate pelo UFC. Depois de sua saída da organização presidida por Dana White, Vitor assinou com o ONE Championship, mas nunca chegou a atuar pela entidade asiática. Agora, livre no mercado novamente após o fim do contrato com o ONE, Belfort volta suas atenções para o boxe, onde possui uma luta como profissional, realizada em 2006.