<
>

Apesar de vitória, Anthony Johnson reprova desempenho no Bellator: 'Péssimo'

O retorno de Anthony Johnson ao MMA, após quatro anos desde que ele decidiu se aposentar, não foi como o atleta esperava. Embora tenha vencido ‘Gugu’ Azevedo por nocaute, em seu debute no torneio dos meio-pesados (93 kg) do Bellator, na edição número 258, realizada no último sábado (7), o americano reprovou sua atuação.

Um dos motivos da bronca do ‘Rumble’ foi que antes dele nocautear o adversário, ‘Gugu’ o assustou conseguindo um knockdown ainda no primeiro round e com uma das suas mãos lesionadas. Por isso, em coletiva de imprensa após o show, o ex-lutador do Ultimate foi duro nas palavras ao analisar sua performance.

“(Estou) p***. Ele me acertou. Não me importo de ser atingido, mas fui atingido e caí. Não sou eu. Foi um desempenho péssimo da minha parte. Eu sei que sou melhor do que isso. Não vou dizer que foi um golpe de sorte – ele me acertou. Isso foi tudo culpa minha e estou chateado comigo mesmo que ele me bateu. Foi uma atuação idiota”, disse.

Com a vitória sobre ‘Gugu’ Azevedo, agora Anthony Johnson avança para as semifinais do torneio da categoria e terá pela frente o russo Vadim Nemkov, atual campeão da divisão. Ao ser questionado sobre o que espera desse duelo, o americano não poupou elogios ao adversário e prometeu uma melhor performance.

“Lutar com Nemkov é uma honra. Ele é uma fera. Ele é o lutador mais completo deste torneio. Ele pode trocar, pode finalizar pessoas com bastante facilidade. Sou um grande fã dele. Eu terei de ser melhor do que fui esta noite – e irei. Eu seu que vou”, afirmou.

No MMA profissional desde 2006, Anthony Johnson, de 36 anos, disputou 29 combates em sua carreira, venceu 23, sendo 17 por nocaute, e perdeu seis vezes. Pelo UFC, sua antiga casa, ‘Rumble’, como o atleta é conhecido, lutou duas vezes pelo cinturão do peso-meio-pesado e perdeu ambas para Daniel Cormier e por finalização.