<
>

Luana 'Dread' promete luta intensa contra Poliana e revela inspiração em Valentina

Luana ‘Dread’ se encaminha para o UFC Vegas 25 com a missão de se recuperar na organização de MMA mais famosa do mundo. No evento que acontece neste sábado (1º), em Las Vegas (EUA), a brasileira vai enfrentar a compatriota Poliana Botelho pelo peso-mosca (57 kg) e está ansiosa para o embate. Nem mesmo a derrota em sua última aparição no octógono tirou a animação da paulista para o novo compromisso.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight, Luana brincou com o fato de enfrentar mais uma representante do Brasil no UFC. Anteriormente, ‘Dread’ atuou contra Ariane Lipski e Priscila ‘Pedrita’. Quanto ao confronto, a paulista garantiu foco total em Poliana e prometeu brindar os fãs com uma verdadeira batalha no octógono. Como as atletas são conhecidas pela trocação, Luana sinalizou que o combate pode faturar o bônus de ‘luta da noite’.

“Mais uma brasileira, parece que isso me persegue. Sempre acaba vindo uma. Dá para formar um evento só conosco, brasileiras. Conseguimos entrar no UFC e mostrar força. Eu só penso nessa luta. Quero ganhar bem da Poliana. Imagino uma luta em pé. Acredito que ela também vá lutar desse jeito. É bom para o público também. Gostaria de conquistar um dos bônus. Estou bem-preparada e assimilei bem o que aconteceu”, declarou Luana.

Como integra o peso-mosca, categoria dominada por Valentina Shevchenko, Luana expressou toda sua admiração pela campeã. Impulsionada pelo sucesso de ‘Bullet’, a brasileira destacou que vai mostrar evolução já na próxima luta e citou a número um da divisão como exemplo a ser seguido pelas demais competidoras. Em caso de vitória no UFC Vegas 25, a paulista revelou seu planejamento para o futuro.

“A Valentina é uma das mulheres que me inspiram. Vim do muay thai e ela já era muito sinistra quando comecei. É incrível estar no mesmo evento que ela é a dona do cinturão e na mesma categoria. Ela é boa em todas as áreas e domina suas lutas. Sei que sou nova, que tenho muito a evoluir, mas vou mostrar que estou bem. Quero fazer três lutas em 2021 para pensar no top-15. De pouco em pouco, pegar um nome para entrar no ranking”, concluiu.

Luana ‘Dread’, de 27 anos, se destaca pela trocação e busca recuperação no UFC. Em sua luta mais recente, a paulista foi finalizada por Ariane Lipski no primeiro round, em julho de 2020. A atleta foi revelada pelo reality ‘Contender Series Brasil’, estreou na organização em 2019, e, na ocasião, passou por Priscila ‘Cachoeira’. No MMA, o cartel da lutadora é composto por seis vitórias e duas derrotas.