<
>

UFC: Volkanovski prega respeito a Ortega e abre portas para trilogia com Max Holloway

play
'Conor McGregor quer vingança': Entenda como a rivalidade do irlandês com Poirier só vai ficar mais intensa até revanche (0:52)

Com uma vitória para cada lado, rivais prometem trilogia emocionante (0:52)

Para se tornar campeão do peso-pena (66 kg) do UFC, Alexander Volkanovski trilhou um caminho perigoso e, para defender seu título, o australiano mostrou ter conhecimento de que novas adversidades estão por vir. Para a sequência dos eventos, ‘The Great’ foi escalado pela organização como treinador do TUF 29 ao lado de Brian Ortega, destacou a qualidade do desafiante, mas, ao mesmo tempo, não esqueceu um velho conhecido.

Em entrevista ao canal do ‘YouTube’ ‘Helen Yee Sports’, o número um do peso-pena confessou estar ansioso para liderar a edição que marca o retorno do programa, porém garantiu que seu foco é o aguardado embate contra Ortega. O duelo que corresponde a segunda defesa de cinturão do australiano aconteceria no UFC 260, show realizado em março, em Las Vegas (EUA), mas a luta foi cancelada, após Volkanovski anunciar que testou positivo para a COVID-19. Apesar do clima leve entre os atletas, ‘The Great’ adiantou que leva o confronto a sério.

Caso vença Ortega, a imprensa especializada especula que o próximo desafiante de Volkanovski seja Max Holloway, lutador que o australiano conhece muito bem. Em 2019, ‘The Great’ enfrentou o americano pela primeira vez e o destronou ao vencer por decisão unânime. Na revanche, realizada em 2020, em Abu Dhabi (EAU), o campeão defendeu o título ao superar o rival na decisão dividida. Como o resultado gerou discussão na comunidade do MMA, o UFC cogitou marcar a trilogia entre os tops. Na época, Volkanovski negou interesse, mas, agora, voltou atrás e tratou Holloway como um adversário iminente.

“Será uma boa diversão e mal posso esperar para começar. Amo estar na frente da câmera, então quatro, cinco semanas não importa, será legal. Estou ansioso para isso. Vai ser uma boa brincadeira. Vou me divertir e tirar o máximo proveito deste processo. No momento, tenho que me concentrar em Ortega. Tenho que dar a Ortega o respeito que ele merece”, declarou o campeão do peso-pena, antes de completar.

“Toda vez que faço uma entrevista, sou questionado e todos falam sobre isso. Todos querem essa luta, ela sempre estará em questão e sempre será bem disputada. Mais uma vez, não tenho medo de ninguém. Embora eu esteja dois a zero contra ele, a última foi por pouco e as pessoas querem ver de novo. Tenho certeza que vai acontecer. No momento, tenho que me preocupar com Ortega. Uma vez que aconteça e o UFC dê um dinheiro decente, nós podemos fazer a luta acontecer”, concluiu.

Por mais que pregue respeito em relação a Brian Ortega, Alexander Volkanovski esbanja confiança ao analisar o duelo. Inclusive, o australiano prometeu mostrar a diferença que existe entre o campeão do peso-pena para os demais tops da categoria. Quanto a Max Holloway, ‘The Great’ mudou de ideia sobre a realização da trilogia com o rival, depois que o mesmo impressionou na vitória sobre Calvin Kattar, em luta que aconteceu em janeiro, em Abu Dhabi (EAU).