<
>

UFC: Conor McGregor 'cancela' trilogia com Poirier após americano alegar 'calote' do rival: 'Dinheiro deve ser novidade para você'

play
O homem, a lenda: os 10 momentos que tornaram Conor McGregor um lutador simplesmente sem precedentes (2:05)

Do nocaute inacreditável em Aldo aos memoráveis duelos contra Khabib e McGregor, relembre os grandes momentos do irlandês (2:05)

Programado para o dia 10 de julho como atração principal do UFC 264, em Las Vegas (EUA), o duelo entre Conor McGregor e Dustin Poirier corre sério risco de não acontecer mais. Tudo começou quando o americano acusou o irlandês de um calote, por não ter cumprido a promessa de ajudar uma de suas instituições de caridade. Ciente da declaração pública de Diamond, o irlandês se revoltou afirmou que não vai mais enfretá-lo.

Através de suas redes sociais, o ex-campeão do peso-leve (70 kg) e peso-pena (66 kg) do Ultimate demonstrou estar indignado com as insinuações de Poirier e atacou o atleta da equipe American Top Team. Após subir o tom e xingar seu rival, Notorious afirmou que vai em busca de um outro oponente para medir forças no evento em questão. Vale destacar que apesar dos dois terem sinalizado positivamente para a luta, ela não havia sido anunciada oficialmente pelo UFC.

“Você está chapado, seu caipira incestuoso. Seu cérebro de m… está acabado. 500 mil dólares (cerca de R$ 2,8 milhões) sem nenhum plano. Aguente firme. Dinheiro deve ser novidade para você. Aliás, a luta está cancelada. Vou lutar com outra pessoa no dia 10. Boa sorte com seu antigo contrato, garoto”, disparou o atleta irlandês, se referindo ao valor estipulado para a aguardada doação do irlandês.

A desavença acaba com o clima amistoso cultivado por eles antes do segundo confronto. Em janeiro deste ano, McGregor e Poirier trataram de amenizar diferenças do passado e mantiveram o respeito na semana da luta.

Inclusive, durante a pesagem do evento, o americano presenteou o rival com uma garrafa do molho de pimenta feita por uma de suas empresas. Após a tradicional encarada, eles posaram para fotos abraçados.

Dustin Poirier e Conor McGregor iniciaram sua história de rivalidade em 2014. Ainda quando ambos atuavam pelo peso-pena, o irlandês nocauteou o adversário no assalto inicial. Após mais de seis anos após esse embate, os lutadores voltaram a se enfrentar, em janeiro deste ano, na luta principal do UFC 257 e, dessa vez, o americano saiu vitorioso por nocaute no segundo round.