<
>

UFC: Vettori deixa Holland 'sem olho', vence a quinta seguida e segue no caminho de lutar pelo cinturão

No duelo principal do UFC deste sábado, em Las Vegas, Marvin Vettori fez o básico e, apesar da falta de emoção, venceu Kevin Holland por decisão unânime dos jurados (50-44 3x).

A vitória mantém Vettori na trilha de ser em breve um desafiante ao cinturão de Israel Adesanya na categoria dos médios do UFC.

*Conteúdo patrocinado por sportingbet

Logo nos primeiros segundos da luta, Holland acertou um chute nas "partes baixas" do rival. A luta foi imediatamente pausada, Vettori se recuperou e o combate seguiu.

Dali em diante, só deu Vettori na luta. O italiano levou a melhor no boxe em pé e depois no segundo e terceiro round derrubou o adversário e abusou do ground and pound.

O olho esquerdo do norte-americano ficou completamente inchado, com o médico chegando se ele estava enxergando bem na pausa antes do terceiro round.

Com a vitória, o italiano consegue seu quinto triunfo consecutivo no UFC e, atual número 6 do ranking, segue na rota do cinturão dos médios, que no momento atual é de Israel Adesanya.

"Eu quero lutar com Adesanya na próxima luta. Em outubro. Eu tenho vencido, colocado boas performances...", disse o italiano, ao fim da luta.

Já Holland, que perdeu há 20 dias para Derek Brunson, acumula sua segunda derrota seguida. O norte-americano entrou quase de última hora no evento após Darren Till, que se lesionou, desistir do combate.

Veja abaixo os resultados do UFC deste sábado:

Card principal

Arnold Allen venceu Sodiq Yusuff por decisão unânime (triplo 29-28).

Julian Marquez venceu Sam Alvey por finalização aos 2m07s do R2.

Mackenzie Dern venceu Nina Nunes por finalização aos 4m48s do R1.

Daniel Rodriguez venceu Mike Perry por decisão unânime (30-27, 30-27 e 30-26).

Card preliminar

Joe Solecki venceu Jim Miller por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27).

Mateusz Gamrot venceu Scott Holtzman por nocaute a 1m22s do R2.

John Makdessi venceu Ignacio Bahamondes por decisão dividida (29-28, 28-29 e 30-27).

Jarjis Danho venceu Yorgan de Castro por nocaute aos 3m02s do R1.

Jack Shore venceu Hunter Azure por decisão dividida (30-27, 28-29 e 30-27)

Luis Saldaña venceu Jordan Griffin por decisão unânime (triplo 29-28).

Da Un Jung venceu William Knight por decisão unânime (30-26, 30-26 e 30-27).

Impa Kasanganay venceu Sasha Palatnikov por finalização aos 26s do R2.