<
>

UFC 257: Khabib dá cutucada curta e grossa em McGregor após nocaute e irlandês responde: 'Volte e vamos mais uma'

play
Vitória de Dustin Poirier! Veja como Conor McGregor sofreu o 1º nocaute da carreira (1:01)

Dustin Poirier acabou com toda a aura do irlandês na trocação, aguentou os golpes que sofreu e encaixou uma sequência devastadora de golpes para conseguir um nocaute simplesmente impressionante (1:01)

Khabib Nurmagomedov pode até estar aposentado, mas definitivamente não deixou a inimizade com Conor McGregor para trás. Pelo Twitter, o russo mandou uma cutucada curta e grossa ao irlandês apenas alguns minutos depois de o arquirrival ser nocauteado por Dustin Poirier no UFC 257.

“É isso que acontece quando você muda o seu time, deixa seus parceiros de sparring que o fizeram campeão para trás e começa a fazer sparrings contra crianças muito distantes da realidade”, postou.

A mensagem não chegou a ficar tão bem explicada, mas possivelmente se refere à decisão de McGregor de fazer parte do camping em Portugal, mesmo que sempre acompanhado por John Kavanagh e todos os treinadores que sempre estiveram ao seu lado.

Conor foi perguntado sobre isso logo na sequência e também respondeu em um tom alto.

“Meu time é o mesmo desde o 1º dia, nunca troquei nada. É o que é. Respeite os atletas, cara. Esse é o caráter do lutador atrás da máscara. O que ele quer fazer? Quer voltar ou não? Porque ele não ficará me dando chutes na perna. E ‘no alto’ eu destruí o Dustin. É o que eu disse antes, estilos fazem as lutas. Todas as lutas são diferentes. E esse prestígio que as pessoas ficam tentando se agarrar? Eu não me agarro a isso. Lutadores tem múltiplas vitórias e múltiplas derrotas. Toda luta entre duas pessoas é diferente e é isso. O estilo de Dustin deu certo hoje e foi isso. Ele tem a durabilidade, a experiência, agora tem esse chute baixo no seu arsenal. Vou me ajustar e continuar. Agora, se Khabib quer fazer esse comentário desrespeitoso: volte e vamos mais uma, cara. Estou aqui para isso. Isso é provocação de luta. Se ele quer voltar, volte”, disse o irlandês.

play
0:08

Poirier 'tira onda' e assopra a mão que 'pegou fogo' e destruiu McGregor

No UFC 257, norte-americano chocou o mundo ao nocautear o irlandês

McGregor e Khabib se enfrentaram em outubro de 2018, em luta que acabou com uma finalização do russo e pancadaria geral até com invasão de octógono após meses de desentendimento entre os dois.

A revanche, porém, parece cada vez mais distante. O russo decretou aposentadoria no final do ano passado e não teria se impressionado com ninguém no UFC 257 para poder voltar. Muito menos com Conor, que acabou nocauteado.

Veja todos os resultados do UFC 257:

CARD PRINCIPAL

Dustin Poirier (EUA) nocauteou Conor McGregor (IRL) 2:32 do 2º round – leves
Michael Chandler (EUA) nocauteou Dan Hooker (NZL) aos 2:30 do 1º round – leves
Joanne Calderwood (ESC) venceu Jessica Eye (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) – moscas feminino
Makhmud Muradov (UZB) nocuateou Andrew Sanchez (EUA) aos 2:59 do 3º round – médios
Marina Rodriguez (BRA) nocauteou Amanda Ribas (BRA) a 0:54 do 2º round – palhas feminino

play
0:15

McGregor precisa de muletas para andar após ser destruído e nocauteado por Poirier

Twitter: @MoynihanCharles | Conor McGregor teve que usar muletas para conseguir chegar na coletiva

CARD PRELIMINAR

Arman Tsarukyan (RUS) venceu Matt Frevola (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-26) – peso casado
Brad Tavares (EUA) venceu Antônio Cara de Sapato (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) – médios
Julianna Peña (EUA) finalizou Sara McMann (EUA) com um mata-leão aos 3:39 do 3º round – galos feminino
Marcin Prachnio (POL) venceu Khalil Rountree Jr. (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – meio-pesados
Movsar Evloev (RUS) venceu Nik Lentz (EUA) na decisão dividida dos jurados (28-29, 29-28 e 29-28) – peso casado
Amir Albazi (SUE) venceu Zhalgas Zhumagulov (CAZ) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – moscas