<
>

Youtuber mostra preocupação com luta do irmão contra Mayweather: 'Está f***'

play
Brasileiros fazendo história, lendas se aposentando e muito mais: os grandes momentos do UFC em 2020 (2:43)

Movimentado ano ainda teve a criação da Ilha da Luta e muita provocação (2:43)

Desde que resolveu se aventurar nos esportes de combate, Jake Paul causou o caos com seus frequentes desafios aos atletas de MMA e de boxe. Constantemente, o youtuber aparece nos noticiários por atacar seus alvos de forma pesada, mas dessa vez é diferente.

A celebridade da internet analisou o inusitado duelo entre seu irmão mais velho, Logan, e Floyd Mayweather, um dos maiores pugilistas da história da modalidade, marcado para o dia 20 de fevereiro e conseguiu separar a razão da emoção.

Em entrevista ao site ‘TMZ’, Jake abriu o jogo e optou por não iludir seu irmão. Inclusive, a celebridade da internet surpreendeu ao criticar o duelo e indicou que sua realização mancha a imagem do boxe. O youtuber explicou que leva o esporte a sério, ao contrário de Logan, que está nele apenas para se divertir, lembrou de uma estatística assustadora que Mayweather possui e cravou que a noite do membro de sua família não será nada boa.

"Meu irmão está ferrado! Isso é ruim para o esporte. Acho que a luta serve apenas para aumentar a influência. Meu irmão é um lutador falso. Eu sou um verdadeiro lutador. Ele está 0-1-1 e eu tenho 3-0. Lhe desejo toda sorte. Ele não deveria entrar no ringue com um cara que nunca sofreu um knockdown. Mayweather foi derrubado uma vez e foi por acidente”, declarou Jake.

Logan Paul, de 25 anos, realizou apenas duas lutas de boxe em sua breve carreira. Na primeira, ainda em uma disputa em caráter amador, o youtuber empatou com o rapper inglês KSI. Na revanche, com regras profissionais, o americano perdeu por decisão dividida.

Floyd Mayweather, de 43 anos, é um dos principais nomes da história do boxe, disputou 50 lutas em sua carreira profissional e venceu todas, sendo 27 delas por nocaute. O veterano se aposentou em 2017, quando nocauteou Conor McGregor no décimo round.