<
>

Ex-campeão do UFC provoca e desafia LeBron James para luta de boxe: 'Jogadores da NBA são os mais moles do planeta'

play
Cormier elege rival para estreia de Jon Jones nos pesados e deixa Ariel Helwani contrariado: 'Você é louco!' (1:33)

Comentarista e apresentador se divertiram durante discussão (1:33)

Após um tempo sumido das polêmicas nas redes sociais, Colby Covington voltou com força total. O ex-campeão dos meio-médios (77 kg) do UFC não mirou sua metralhadora de provocações para algum atleta da organização, mas sim para LeBron James, principal astro de basquete da atualidade.

Através de suas redes sociais, Covington citou a recente luta entre o youtuber Jake Paul e Nate Robinson, ex-jogador da NBA, no co-evento principal do card de Mike Tyson vs. Roy Jones Jr. do último sábado (28), para desafiar o ídolo do Los Angeles Lakers para um duelo no boxe.

Na ocasião mencionada, o ex-jogador de basquete foi nocauteado facilmente, o que motivou a provocação de ‘Chaos’.

A rusga entre Colby Covington e LeBron James é antiga. O lutador é um defensor ferrenho de Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos, e já provocou atletas da NBA, enquanto ‘King James’ é um dos principais desafetos do mandatário americano, que recentemente não conseguiu se reeleger para um novo mandato de quatro anos.

“Ouvi dizer que eles finalmente rasparam o corpo de Nate Robinson do chão do Staples Center. Eu faria LeBron James beijar a lona com a metade do tempo. Todos sabem que os jogadores da NBA são os atletas mais moles e privilegiados do planeta”, escreveu.

Colby Covington não atua no UFC desde setembro deste ano, quando derrotou Tyron Woodley por nocaute em evento que foi realizado em Las Vegas (EUA). O lutador segue sem data e nem rival para a sua próxima apresentação.

Na sua carreira profissional no MMA desde 2012, o americano soma 16 triunfos e apenas duas derrotas.