<
>

Em noite de Mike Tyson, boxeador tem que ser levado ao hospital após ficar com olho destruído em nocaute

play
Mike Tyson não consegue escolher melhor entrevista por motivo para lá de inusitado e cai na gargalhada (0:55)

Boxeador concedeu entrevista exclusiva para a ESPN (0:55)

Em uma das noites mais aguardadas de 2020, Mike Tyson retornou aos ringues no último sábado (28), para enfrentar Roy Jones Jr. em luta-exibição que terminou com um empate em Los Angeles, nos Estados Unidos. Mesmo com os holofotes voltados para a lenda de 54 anos, outro confronto também marcou o fim de semana.

Apontado como um dos mais promissores nomes do boxe inglês Daniel Dubois perdeu para o compatriota Joe Joyce, em luta realizada na Church House Westminster, em Londres.

Com o triunfo, o medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, ficou com o cinturão do WBC Silver dos pesos pesados, além dos títulos britânicos, da Commonwealth e europeu dos pesos pesados.

Cotado como favorito para o confronto, Dubois precisou ser encaminhado ao hospital com suspeita de grave lesão osso orbital do olho esquerdo. Após sofrer um golpe no local no 10º round, o jovem de 23 anos chegou a se abaixar por um dos joelhos, fato que levou o árbitro a encerrar a luta.

Com a vista esquerda completamente fechada pelo inchaço, Dubois foi levado para o Moorfields Eye Hospital, especializado em atendimento para olhos, localizado em Londres. O relatório detalhado sobre o estado da visão do pugilista não foi divulgado.

Segundo a imprensa local, Daniel Dubois, de 23 anos, levava a melhor na pontuação em oito rounds contra Joe Joyce, de 35. O jovem, no entanto, já sofria com inchaço no olho esquerdo dede o quinto assalto. A situação ainda se agravou com o decorrer da luta.

Com pouca área de visão, Dubois sofreu mais um jab avassalador de Joyce no décimo assalto, quando se ajoelhou.

"O que posso dizer? Ele me pegou com um bom soco. Simplesmente aconteceu. Tentei o meu melhor, mas não conseguia ver. Sou um cara durão. Voltarei, com certeza”, disse Daniel Dubois após o confronto.